Ubisoft diz que a mensagem da Switch é fácil de entender

Isso será a partida para o sucesso.

Na mesma entrevista em que falou do preço e público alvo da Nintendo Switch, a nova consola da Nintendo que estará nas lojas a 3 de Março, Xavier Poix, responsável pelos estúdios Franceses da Ubisoft, explicou a mudança de postura da sua companhia para esta consola da Nintendo, e como acredita que a companhia Japonesa conseguiu entregar a mensagem de forma clara, ao contrário do que foi feito quando apresentou e promoveu a Nintendo Wii U.

Rayman Legends, Just Dance e Steep são três jogos da Ubisoft para a Nintendo Switch, e Poix explicou que foram escolhidos porque se inserem perfeitamente no espírito da nova consola. São jogos criados a pensar na mesma liberdade patrocinada pela consola, que podem ser jogados em qualquer lado, e que divertem diferentes tipos de pessoas.

"Just Dance é para ser jogado com qualquer pessoa a qualquer hora, o foco é essa acessibilidade, e é interessante que a Switch apresenta esse aspecto. A capacidade que a Wii e a Wii U tinham para reunir várias pessoas numa sala, agora a sala pode ser em qualquer lado. A sala onde queres jogar Just Dance pode ser uma cozinha ou um jardim, pode ser em qualquer lado."

Poix explicou ainda que estes jogos foram escolhidos pois partilham da mesma filosofia que a Switch, ao contrário de jogos como Watch Dogs 2. Jogos que podem ser jogados em longas sessões ou então em sessões mais pequenas. A sensação de liberdade está no ADN destes jogos, tal como está na Switch.

O homem da Ubisoft acredita que a Nintendo Switch será capaz de satisfazer uma necessidade no mercado, para aqueles que não podem utilizar a TV mas querem algo superior ao que existe no mercado mobile. A Nintendo será capaz de criar uma ponte entre a TV e o mobile inédita, que nos permitirá continuar dentro dos mundos que adoramos, com a qualidade que adoramos, mesmo quando o ecrã principal não está ao nosso dispor.

Para Poix, a Nintendo Switch precisa ser jogada para ser entendida, e afirma que irá satisfazer os desejos de alguns jogadores que nem sequer pensaram que os tinham. Especialmente no que diz respeito à interacção entre vários jogadores. Poix acredita ainda que desde o início a mensagem está a ser bem entregue, ao contrário do que sucedeu com a Wii U.

"A mensagem da Wii U não foi suficientemente clara. Penso que estiveram bem na Wii U ao encontrar um novo sistema, uma nova forma de jogar e uma forma fácil de mostrar isso a todas as audiências. Em termos da Wii U, a ideia de ter dois ecrãs, e um comando maior que o habitual, é algo difícil de explicar. É algo que entendes quando jogas um jogo que usa essa funcionalidade, mas não é algo que possas compreender facilmente só ao olhar."

A Switch já apresentou a sua mensagem de forma fácil de entender, e é simples, o conceito híbrido. Para Poix, a mensagem pode ser compreendida por qualquer pessoa, e isso será o ponto de partida para o sucesso da Switch.

Publicidade

Salta para os comentários (9)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

VídeoReagimos aos vossos comentários #2

Mais um episódio animado com risos e discussões sérias.

Temtem regista mais de 33,000 jogadores no Steam

Este Pokémon MMO continua popular.

Red Dead Redemption 2 registou pico de vendas após chegar ao Steam

Vendeu o dobro em relação ao mês anterior.

Comentários (9)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários