Caso sejam um dos possuidores de uma Wii U ou fãs de Tomonobu Itakagi certamente que se lembram de Devil's Third, um jogo que no seu desenvolvimento era para ser um exclusivo Microsoft e que acabou por ser lançado numa consola da Nintendo.

Devil's Third tem uma média de 43/100 no Metacritic mas a culpa não será da qualidade mas sim dos analistas e do pouco apoio que teve da Nintendo. Itagaki explicou as razões para o fracasso do seu jogo numa longa entrevista com o Polygon.

"Deixa-me explicar. Primeiro a razão das análises serem tão negativas. Eu analisei o motivo. Este jogo foi desenhado para ser um shooter massivo, por isso seria divertido se houvesse pelo menos milhares de jogadores no jogo. Mas a Nintendo não disponibilizou partidas online para os analistas. Por isso eles não tiveram como experimentar o modo online como o desenhámos, e analisaram o jogo tendo por base apenas o modo história a solo. Se tivesse sido a Microsoft a publicar o jogo, eles dariam o jogo a um grupo de 500 jogadores que assinavam um acordo de não divulgação para os analistas poderem experimentar o modo online massivo. Mas a Nintendo America não fez isso".

1

"Não vou culpar os analistas por subestimarem a experiência do modo online. Penso que não tem valor uma análise de alguém que está a avaliar uma peça de arte com os olhos vendados. E isso fez parte de 95% das criticas negativas ao jogo. Os restantes 5% foram de pessoas que queriam construir credibilidade ao criticar o jogo. E este é o meu palpite, mas uma pessoa escreve uma análise negativa e a Nintendo America nada faz para parar o mudar essa situação, e por isso os outros seguem o mesmo caminho. Por isso não acredito que as análises tenham sido credíveis. No entanto eu não li todas as análises, as que vi não eram muito objectivas, eram mais emotivas".

"Quando o jogo foi lançado, as análises eram baixas mas a resposta dos fãs foi fantástica, não? Eu não faço jogos para os media, faço jogos para os fãs. As vendas não foram fantásticas mas o jogo foi muito bem recebido pelos fãs e isso é o que me interessa. É por isso que vamos continuar a trabalhar na versão PC. E o facto de podemos fazer uma versão PC é graças à Nintendo por ter lançado o jogo original. Se os analistas tivessem certos, não conseguiríamos encontrar editoras e lançar a versão PC no Japão, Rússia, Estados Unidos, China e em todo o mundo. As pessoas sabem que este é um bom jogo".

Publicidade

Jogos em destaque neste artigo

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Mais artigos pelo Luís Alves

Comentários (17)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários

Conteúdos relacionados

Devil's Third começou como um exclusivo Microsoft

Itagaki revela mais sobre o controverso jogo.

Produtora de Devil's Third muda-se do Japão para o Canadá

Valhalla Game Studios tem nova base no Ocidente.

Devil's Third à venda por $666

Jogadores aproveitam escassez de stock.

Publicidade