Numa entrevista com a Polygon, Tomunobu Itagaki falou sobre o passado e o futuro de Devil's Third, revelando que na verdade o jogo até começou a sua vida como um exclusivo Microsoft, antes de terminar como um exclusivo Nintendo Wii U.

Itagaki confirmou que o jogo era originalmente um exclusivo Microsoft, mas não esquece que foi a Nintendo que tornou possível o seu lançamento, e por isso mesmo irá sempre agradecer à companhia Japonesa. No entanto, quando apresentou o jogo à THQ, o seu presidente acreditou que o jogo era tão único que tinha de ser lançado na PS3, Xbox 360 e PC.

No entanto, quando a THQ declarou falência, a situação mudou por completo, e uma vez que Itagaki manteve os direitos sobre a sua propriedade intelectual, ficou responsável por procurar uma nova editora e parceiros para apoiar o jogo.

Apesar do desejo inicial em lançar Devil's Third como um título multiplataformas, quando a Kanematsu contactou Satoru Iwata, falecido ex-presidente da Nintendo, este concordou em lançar o jogo como exclusivo da sua plataforma, a Nintendo Wii U.

"A Nintendo pegou no jogo porque não têm jogos online suficientemente fortes. Devil's Third não é um jogo que a Nintendo pudesse fazer internamente, por isso entramos como os seus mercenários para criar um jogo online forte," disse Itagaki.

Apesar da recepção ao jogo não ter corrido da melhor forma, Itagaki confessa que a propriedade intelectual está viva e que irá regressar no futuro.

Publicidade

Jogos em destaque neste artigo

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.