Criadores de Burnout querem fazer um sucessor espiritual

Three Fields acredita que o tipo de jogo merece um regresso.

Fiona Sperry, antiga líder da Criterion, disse que o seu novo estúdio gostaria de fazer o sucessor da franquia Burnout.

Burnout foi durante vários anos o jogo de destaque da Criterion. Sperry deixou o estúdio em 2014 juntamente com Alex Ward que foi também um dos fundadores da Criterion. Os dois decidiram abrir a Three Fields Entertainment e recentemente lançaram o jogo Dangerous Golf para a PS4, enquanto que a Criterion acabou por ser uma subsidiária da Electronic Arts.

Sperry contou ao MCV que sente que a sua equipa ainda está muito ligada à série Burnout e que gostaria de trabalhar num jogo parecido.

"Esse tipo de jogo merece um regresso e esperamos que consigamos fazer isso," disse Sperry. "Gostaríamos de fazer um sucessor espiritual desse jogo. Óbvio que a EA é a detentora dos direitos de Burnout e o que ela faz com ele é a sua prerrogativa."

Burnout era um jogo de corridas caótico criado pela Criterion em 2001. O último jogo da série foi Burnout Paradise que foi lançado em 2008 na Xbox 360 e PlayStation 3.

Salta para os comentários (7)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (7)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários