DICE revela detalhes sobre as armas de Battlefield 1

Equipa quer trazer o máximo de realismo ao jogo.

Battlefield 1 vai chegar no dia 21 de Outubro em todo o mundo e apesar de ainda não termos muitas novidades, a DICE decidiu partilhar informações sobre algumas das armas deste título que decorrerá durante a Primeira Guerra Mundial.

Julien Shimek, designer das armas de Battlefield 1 explicou que "a maioria das armas vão permitir equipar baionetas ou alterar a empunhadura, bem como mudar a mira das armas. Temos também desenhos de armas impressionais, dos quais falaremos mais nos próximos meses".

Vamos poder personalizar as nossas armas tal como acontecia em Battlefield 4, mas o estúdio decidiu simplificar essa opção. "Battlefield 1 usa equipamentos pré-estabelecidos para cada arma, que ainda assim poderás personalizar para que funcionem de acordo com o teu estilo de jogo, mas de uma forma mais precisa," detalhou o estúdio.

Os jogadores que gostam de usar as espingardas de longo alcance reconhecerão facilmente a forma como as mesmas funcionam neste jogo, no entanto não será de forma igual como nos anteriores título da série. "A maior mudança é que serás mais eficaz quando ficares na distância certa do alvo," explicou Schimek. "Não se trata de estar o mais longe possível, terás que estar nem muito perto, nem demasiadamente longe."

Schimek também mencionou que uma vez que era muito comum haver combates próximos na Primeira Guerra Mundial, em Battlefield 1 haverá diferentes armas corpo-a-corpo para aproveitar essas situações, cada uma com diferentes velocidades de ataque e efeitos.

A DICE referiu também que, no geral, todas as armas se sentirão mais rápidas. Ou seja, para além de acrescentarem o arrasto e a gravidade às balas, estas também terão uma maior velocidade para fazer com que os disparos se pareçam mais reais.

Battlefield 1 contará com 6 categorias de armas. Desde espingardas, a metralhadoras, semi-automáticas, armas brancas e espingardas franco-atiradoras. Cada classe de arma terá as suas subcategorias, já que naquela épica eram incrivelmente variadas e a DICE quer representar isso em Battlefield 1.

Sobre as granadas, para além das de fragmentação teremos também ao nosso dispor granadas de gás para desorientar o inimigo, granadas incendiárias que provocam muito dano, mas por tempo limitado, entre outras.

Por fim a DICE explicou que estão a tentar dar a máxima fidelidade às armas, e o som é muito importante para que isso seja possível. "Gravámos muitos sons do mundo real para o jogo," disse o estúdio. "Agora podes perceber quando a tua arma está a ficar sem munições, já que o som do disparo muda quando tens pouca."

Salta para os comentários (7)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (7)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários