Director de No Man's Sky tem recebido ameaças de morte

E conta que o adiamento era necessário.

Há jogadores que levam muito a sério o adiamento dos jogos mais aguardados, e às vezes, levam as coisas ao extremo. Algo que infelizmente pôde comprovar o director de No Man's Sky, Sean Murray, que tem vindo a receber ameaças de morte depois dos rumores e da confirmação de que o seu jogo será adiado por uns meses.

"Recebi várias ameaças de morte esta semana, mas não estou preocupado, agora a Hello Games parece a casa do filme Sozinho em Casa", disse ele em jeito de brincadeira fazendo alusão ao filme protagonizado por Macaulay Culkin.

"Avisem-me quando for seguro tirar os berlindes e o óleo das escadas. Está a ser verdadeiramente complicado e eu preciso de ir à casa de banho," continuou Murray, relembrando algumas das armadilhas que o protagonista do filme usou para afugentar os mal feitores.

Sobre o adiamento de No Man's Sky, Murray não pôde adiantar muito por questões legais e alheias à equipa da Hello Games, mas prometeu que quando o jogo estiver à venda que falará sem qualquer problema. Mais uma vez ele referiu que este adiamento era necessário para oferecer aos jogadores o jogo que eles merecem, no entanto pediu desculpas a todos aqueles que se sentiram chateados com este adiamento.

Neste momento No Man's Sky, que chegará à PS4 e PC, tem lançamento europeu agendado para o dia 10 de Agosto.

Salta para os comentários (30)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (30)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários