Vendas de Star Wars: Battlefront, Halo 5 e Assassin's Creed: Syndicate estão abaixo das espectactivas

Isto segundo o CEO das lojas GameStop.

2015 está a tornar-se num grande ano para a indústria dos videojogos e para os jogadores. A quantidade de jogos lançados até agora tem sido espectacular, no entanto parece que nem tudo está a correr como o esperado nas lojas.

Tony Bartel, CEO da GameStop, a maior cadeia norte-americana de venda de videojogos, reconheceu que as vendas de Star Wars: Battlefront, Halo 5: Guardians e Assassin's Creed: Syndicate não estiveram à altura do que a companhia esperava.

Sobre o novo shooter da DICE, Bartel comentou que, "Tínhamos grandes expectativas nele. As expectativas foram diminuindo à medida que se aproximava o seu lançamento, e falhou de todo nas nossas marcas". Sobre Halo 5: Guardians Bartel tem uma teoria: as vendas que não foram feitas nas lojas foram feitas em território online. Comentou que outros títulos estão numa situação semelhantes e desafiou a Microsoft a dar a conhecer ao público quais são os dados reais das vendas físicas e digitais.

Sobre Assassin's Creed Syndicate Bartel não se quis alongar muito, já em relação a Fallout 4 e Call of Duty: Black Ops 3 disse que as vendas de ambos estão dentro do esperado pela companhia.

Salta para os comentários (34)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Dying Light 2 está quase terminado

Mas Techland não revela a data de lançamento.

"O número de AAA gigantescos vai diminuir", afirma Kojima

Acredita que jogos vivos serão mais sustentáveis.

Mais de 10 milhões de pessoas descarregaram as ofertas Play at Home

Uncharted: Nathan Drake Collection e Journey foram oferecidos em Abril pela Sony.

Também no site...

Comentários (34)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários