Microsoft diz que mais importante que os exclusivos são os conteúdos

E fala sobre o facto de não terem No Man's Sky na Xbox One.

Agostino Simonetta, o grande responsável pelo programa ID@Xbox, falou com os nossos colegas ingleses do Eurogamer sobre o sempre controverso tema das exclusividades nas diferentes plataformas, neste caso os exclusivos indie.

"Temos alguns exclusivos que outras plataformas não têm. Anunciámos uma série de conteúdos exclusivos na semana passada durante a GDC. Faz parte do negócio de hoje, mas o que é mais importante é oferecer bons conteúdos sem importar se são exclusivos ou não," disse Simonetta.

"A questão de se estamos arrependidos por não termos No Man's Sky é interessante. A semana passada anunciámos que estávamos a trabalhar com a Frontier em Elite, e além disso há uma série de jogos para o Windows 10 e Xbox. Portanto pessoalmente, não estou arrependido. No dias de hoje existem mais de mil produtores que têm um kit da Xbox nos seus estúdios, com mais de 100 jogos em desenvolvimento. A minha resposta pessoal é que temos um catálogo muito forte."

Publicidade

Salta para os comentários (36)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Final Fantasy 7 Remake já está nas mãos dos jogadores

Apesar da Square Enix ter dito que existiriam problemas de stock.

Não esperes novidades de GTA 6 tão cedo

Um rumor afirmava que o jogo seria anunciado esta semana.

Passatempo Predator: Hunting Grounds - Aqui estão os vencedores!

Vão receber códigos de 12 meses do PS Plus.

Também no site...

Comentários (36)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários