Shinji Mikami, a mente por trás de Resident Evil, contou que o jogo da Capcom podia ter sido totalmente diferente se não fosse o jogo francês Alone in the Dark, um dos primeiros jogos de terror.

Numa longa entrevista com o Lemonde.fr, Mikami revelou que quando a Sony anunciou a PlayStation, ele começou a desenvolver um jogo que funcionasse numa consola com a metade da potência no caso de não cumprirem com o prometido no que toca a especificações. Por isso a sua primeira ideia foi criar um shooter na primeira pessoa, algo que permitia-lhe focar-se apenas nos inimigos e nos cenários.

Ele chegou a fazer um prototipo na primeira pessoa, mas não ficou satisfeito com o resultado, e depois ter jogado a Alone in the Dark, foi quando se fez luz. "Sem ele, Resident Evil teria sido um shooter na primeira pessoa," contou Mikami.

Antes de apostar nos zombies, Mikami criou um jogo onde os inimigos eram os típicos espíritos japoneses, e que era um jogo mais de terror psicológico, mas que passado uns tempos percebeu que era necessário ter combates e foi aí que pensou em apostar nos zombies.

Publicidade

Jogos em destaque neste artigo

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.