Análise de performance: inFamous First Light

Uma segunda oportunidade.

Quando inFamous second son foi lançado em Março passado, a produtora do jogo, Sucker Punch, deu-nos uns jogo tecnicamente bem concebido, que mostrou claramente as vantagens da última consola da Sony. Infelizmente a performance não correspondeu às nossas expectativas naquilo que toca à performance, pois gostaríamos mais de ter visto um frame-rate sem limite fixo sem que houvessem ocasionais picos de queda para baixo dos 30fps. Com inFamous First Light, um episódio independente que pode ser agora adquirido via download digital, a Sucker Punch teve mais uma oportunidade de refinar a técnica que já nos tinha impressionado. A questão que se coloca é até que ponto é que a produtora decidiu abordar os aspectos relacionados com a performance, se é que o fez de todo.

Com Second Son, os nossos testes revelaram que a taxa de fotogramas média andava à volta dos 35 frames por segundo durante uma sessão normal de jogo, produzindo espasmos bastante notórios a 60Hz. Naquela altura, não ficamos assim tão contentes com a decisão de de não fixar o frame-rate mas depois ainda bem que, mais tarde a Sucker Punch deu-nos a opção de limitar o mesmo nos 30 fps, dando aos jogadores a hipótese de escolher entre performance pura e desbloqueada e um update mais consistente. Tendo isto em conta, vamos lá olhar para este novo episódio.

First Light tem lugar principalmente na duas ilhas disponíveis em Second Son, oferecendo também uma variedade de áreas indoor dentro da área de quarentena da DUP. Antes dos testes estávamos à espera que estas áreas indoor em ambientes mais confinados nos oferecerem uma melhoria no frame-rate, talvez até à marca dos 60 fps. Isso não foi o caso de todo, com o frame-rate médio a rondar valores um pouco abaixo dos 40fps. Contudo esta secções continuam cheias de detalhe e são impressionantes à sua própria maneira e isso sugere que o motor de jogo não se atrapalha a lidar com estes grandes ambientes.

Ao contrário daquilo que estávamos à espera, ficamos surpreendidos ao notar que na gameplay dentro das próprias cidades operava a um frame-rate ligeiramente superior, mantendo-se muito mais próximo dos 40fps. Enquanto nos movimentamos pelas cidades, há uma sensação muito palpável de que este jogo corre bem mais depressa que o original. Se compararmos a análise de performance das duas versões vemos uma clara diferença. First Light tem uma vantagem clara de cerca de 5fps durante a duração dos testes. No jogo original, as maiores quedas de frame-rate dão-se quando há combate, sugerindo que a maioria das falhas do jogo em termos de performance estão relacionadas com os encontros com inimigos. As mudanças feitas na cidade incluem a remoção dos DUP outposts, que nesta altura da história ainda não tinham sido instalados, mas é difícil de imaginar que isso é a única causa desta diferença de performances.

Aqui podemos ver os níveis de performance durante vários cenários, incluindo cut scenes, atravessar a cidade e combate dentro das Instalações da DUP. Notem em como em cenários fechados não há nenhum aumento de performance em relação a cenários jogados ao ar livre.

Análise adicional:

Embora hajam melhorias, não é um empurrão suficientemente grande para que o frame-rate desbloqueado nos agrade. Existem problemas de consistência semelhantes em inFamous Second Son - frames solitárias permanecem ao longo de diferentes períodos de tempo, causando soluços na imagem. Se estes espasmos conseguem ser fonte de distração sempre podem ativar a opção de 30fps fixos que já existe desde o patch a inFamous Second Son. A alguns meses atrás discutimos o assunto de que será que frame rates mais altos levam sempre a melhorias de gameplay. A ideia é que embora um jogo deva de ser avaliado de acordo com as suas virtudes, se há quedas de frame-rate para muito abaixo dos 60fps, então o jogo deve de baixado para 30fps fixos e por consequente mais estáveis.

Infelizmente, o conceito não resultou tão bem quanto esperaríamos, pois ainda existem bastantes picos pequenos de perdas que interrompem a fluidez do jogo. Isto era mais frequente quando atravessávamos a cidade a alta velocidade, mas podia acontecer a qualquer momento. Tipicamente o problema era causado por uma única frame que persistia no ecrã mais tempo daquilo que era suposto, criando uma pausa visível na imagem, e só se tornava aborrecido quando várias destas ocorrências se davam num curto espaço de tempo.

Para além disso, quando haviam muitas partículas no ecrã ou em certos cenários de combate, as perdas de performance para baixo dos 30fps tinham uma duração mais alta resultando em slow-downs óbvios.  O que é estranho é o facto de que estas quedas se davam mais frequente mente quando ativada a opção de 30fps fixos, eliminando a vantagem de a usar. Isto é um cenário oposto a aquilo que acontece em Killzone Shadow Fall, onde usar os 30fps fixos era totalmente eficaz.

A performance é variável, mas vemos melhorias em situações idênticas com a DLC a correr em média 5fps mais rápido que o jogo original. Será que isto é uma otimização ou então é algo que ocorre pelo facto de que a DLC é um jogo muito mais pequeno?

First Light Second Son
Menor Frame-Rate 33fps 28fps
Maior Frame-Rate 49fps 45fps
Média do Frame-Rate 40.36fps 35.92fps

Atualização 1/9/14 9:44am: Em geral nós não colocamos os frame-rates mínimo/máximo/médio porque a maioria dos jogos funcionam num bloqueio a 30 fps que distorce os resultados. No entanto com o frame-rate desbloqueado em inFamous, pareceu-nos que as estatísticas poderiam ser suficientemente esclarecedoras e por isso adicionamos uma tabela para esclarecer.

First Light oferece 30fps fixos, e funciona da mesma maneira que em Second Son. O frame rate é fixado nos 30fps, mas há quedas ocasionais. Testamos isto ao correr com o nosso personagem o mais rápido possível pelo cenário e ver os resultados. As quedas parecem menos frequentes que em Second Son, tornando a experiência mais estável. Não é algo perfeito mas compensa ter esta opção ativada - a ação em First Light é muito mais fluída que no jogo original.

Naturalmente, cada utilizador tem a sua opção preferida, mas para nós 30 fps fixos funciona melhor. Usar frame-rate desbloqueado é certamente fascinante, mas os soluços são mais persistentes e severos. As quedas do modo 30fps fixos são mais raras e isso traz mais consistência à experiência. Contudo, se estão a procura da melhor resposta usem a opção de desbloquear e terão uma experiência decente.

Em suma, inFamous First Light é uma pequeno pacote que espreme um pouco mais a formula a um preço mais baixos. Há vislumbres de um aumento de performance em relação ao jogo original que melhoram a jogabilidade e não sabemos bem se é porque de facto foram feitas otimizações ou porque o jogo é mais pequeno. Apesar de tudo, a tecnologia por detrás destes jogos da saga inFamous na PS4 é do mais impressionante que já temos visto. Os efeitos de luz, texturas e modelação são notáveis. É algo impressionante mostrar algo assim tão cedo no ciclo de vida de uma consola. Se a Sucker Punch conseguir casar estas inovações com ideias frescas para a jogabilidade na inevitável sequela, então temos algo de muito especial reservado para o futuro.

Publicidade

Salta para os comentários (1)

Sobre o Autor

John Linneman

John Linneman

Staff Writer, Digital Foundry

An American living in Germany, John has been gaming and collecting games since the late 80s. His keen eye for and obsession with high frame-rates have earned him the nickname "The Human FRAPS" in some circles. He’s also responsible for the creation of DF Retro.

Conteúdos relacionados

PS5 - Lançamento, jogos, preço e especificações

Actualizado com as informações mais recentes.

Google Stadia está gratuito durante 2 meses

Joga Destiny 2, GRID, Serious Sam e outros jogos.

The Witcher 3 vendeu mais no PC do que nas consolas

CD Projekt revela gráficos das vendas ao longo dos anos.

Xbox Game Pass - Lista de jogos Xbox One, 360 e Xbox Live disponíveis no serviço

NieR: Automata, Ace Combat 7 e muito mais já disponível.

Também no site...

Números fracos mostram que Bleeding Edge não conquistou os jogadores

Apenas 3 transmissões e 7 espectadores no Mixer.

PS5 - Lançamento, jogos, preço e especificações

Actualizado com as informações mais recentes.

Xbox Game Pass - Lista de jogos Xbox One, 360 e Xbox Live disponíveis no serviço

NieR: Automata, Ace Combat 7 e muito mais já disponível.

Guilty Gear -Strive- confirmado para a Europa

Será a Bandai Namco a apresentar o jogo.

Comentários (1)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários