Naughty Dog diz que está a ser um inferno fazer The Last of Us: Remastered

Não tem sido tarefa fácil optimizar o jogo para a PS4.

Ao que parece a Naughty Dog não tem tido a vida fácil ao remasterizar The Last of Us na PlayStation 4, muito pelo contrário. Tanto que Neil Druckmann, diretor criativo da produtora, disse que tem vindo a ser um inferno e que gostaria que houvesse um botão "Ligar o modo PS4".

Em conversa com a revista EDGE, Druckmann contou que a equipa já esperava que a tarefa não fosse fácil.

"Esperávamos que fosse um inferno, e está a ser um inferno," disse ele. "Só ter uma imagem no ecrã, mesmo uma com qualidade inferior, sem sobras, efeitos de luz, crasha a cada 30 segundos - isso demora muito tempo. Estes engenheiros são dos melhores na indústria e eles optimizaram muito o jogo para os SPUs da PS3. Foi optimizado a nível binário, mas depois de se mudar isso tudo, tens de voltar atrás para um nível alto, para teres a certeza de que os sistemas estão intactos, e para optimizá-los de novo."

"É difícil descrever como é difícil esta tarefa. E quando tudo está a correr bem, tens de correr as versões lado a lado para garantires que não vais estragar tudo durante o processo, como a física ficar um pouco diferente, o que poderá estragar o jogo, ou os efeitos de luz serem alterados e de repente tudo pode parecer drasticamente diferente. E isso assim já não é melhorar, isso é diferente. Nós queremos mantermo-nos fiéis ao original e ao mesmo tempo queremos algo melhor."

Druckmann mais uma vez referiu que as sequências cinemáticas estão a correr a 1080p e a 60 fps, e que para conseguirem isso tiveram que ser refeitas de raiz.

The Last of Us: Remastered ainda não tem uma data de lançamento oficial, apesar de algumas lojas apontarem para junho e outras para agosto. Provavelmente durante a E3 saberemos mais pormenores.

Publicidade

Salta para os comentários (40)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Catherine: Full Body classificado para a Switch

Será que Vincent chegará à consola da Nintendo?

GeForce Now perdeu os jogos da Activion devido a um desentendimento

A editora quer um acordo para a versão final do serviço.

Comentários (40)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários