Downgrade em Dark Souls 2 foi para estabilizar a framerate

Revela uma fonte próxima da produção.

Esta semana o From Software respondeu aos gráficos piores presentes na versão final de Dark Souls 2 para as consolas, comparativamente à versão que tinha sido demonstrada nos eventos antes do lançamento. A explicação dada foi a seguinte:

"Durante o processo de desenvolvimento de um jogo, este está constantemente a ser equilibrado, não apenas na jogabilidade como também na área da gestão de recursos".

"Um produtor tem sempre o desafio de criar a experiência mais recompensadora enquanto oferece uma continuidade na qualidade gráfica, dinâmica da jogabilidade, e equilíbrio dentro do jogo. A versão final de Dark Souls II mostra o culminar deste equilíbrio delicado e estamos muito orgulhosos da recepção positiva dos media e dos fãs".

Mas de acordo com o Forbes, que cita uma fonte próxima da produção, o downgrade gráfico foi feito para estabilizar o rácio de fotogramas.

"As versões iniciais das quais foram retiradas as imagens estavam jogáveis, mas nada mais. O jogo não estava num estado em que poderia ser vendido. Suspeito que estavam concentrados fortemente em oferecer uma experiência de topo no PC e subestimaram os desafios que os novos sistemas originariam na PS3 e Xbox 360. Isto é a minha análise. Mas, falando de factos, as versões iniciais eram como a Blighttown no jogo inteiro", disse a fonte.

(Nota: a Blighttown é uma das áreas no primeiro Dark Souls, conhecida pelo baixo rácio de fotogramas).

"Acredito sinceramente que não queriam enganar, mas no final sacrificaram uma grande quantidade de fidelidade gráfica na recta final do desenvolvimento porque não conseguiam ajustar o rácio de fotogramas de outro modo. Eles tinham que promover o jogo com imagens e trailers, mas naquela altura não tinham ideia que teriam de baixar tanto as definições, suspeito".

Apesar da qualidade gráfica não estar a par do que foi mostrado antes, Dark Souls 2 ainda foi capaz de receber um 9/10 na nossa análise. A versão para PC, que deverá melhores gráficos que as consolas, será lançada a 25 de abril.

Salta para os comentários (14)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (14)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários