Pachter: Encerramento da Irrational Games poderá ditar a morte de BioShock

"É um prego no caixão para a franquia".

O encerramento da Irrational Games apanhou toda a indústria de surpresa, principalmente os fãs da série BioShock, e o famoso analista Michael Pachter aproveitou para falar sobre este assunto num webcast do Gametrailers.

Pachter tentou explicar o que se passou, dizendo que provavelmente Ken Levine, criador da série, estaria cansado e que quereria fazer algo menos stressante do que desenvolver jogos que envolvem um grande orçamento e uma grande responsabilidade. Ele acredita que o encerramento do estúdio não terá um grande impacto a não ser que o novo trabalho de Levine seja bem sucedido o suficiente para incentivar outros a fazerem o mesmo.

Para Pachter a série BioShock irá sofrer consequências e perder qualidade, "Penso que na verdade é um prego no caixão para a franquia BioShock."

Pachter explicou também que um dos pontos fortes da Take-Two é também uma das suas grandes fraquezas, uma vez que eles permitem que os produtores tenham total controlo sobre a PI, tornando-os tão essenciais para o sucesso da franquia que se trocarem de produtores o produto final já não será o mesmo.

Salta para os comentários (17)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (17)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários