Mais informações sobre Final Fantasy XV

Tetsuya Nomura, Takeshi Nozue e Hajime Tabata discutem o jogo.

Numa entrevista com a revista Famitsu, Tetsuya Nomura comentou que o jogo está a ser desenvolvido num ambiente de PC e que as plataformas que melhor suportam o DirectX 11 serão as candidatas para o aparecimento do jogo. Enquanto isto deve descartar uma possibilidade de estreia na Wii U, parece que deixou alguns fãs de PC na especulação se a Square Enix irá lançar ou não a versão para PC.

O chefe oficial da tecnologia, Yoshihisa Hashimoto foi quem "tomou as rédeas" para a próxima geração de consolas, utilizando o Luminous Engine, que está a ser utilizado em Final Fantasy XV.

A versão para PC ainda não foi decidida, mas parece que está planeada para futuras "colaborações" com o Luminous Studio. E de acordo com a equipa, este jogo irá requerer uma máquina bastante cara para correr o jogo.

Final Fantasy XV não é o único caso onde houve um salto na geração. O Final Fantasy XI foi originalmente projetado para caber dentro das capacidades da PlayStation 2 e na unidade do disco rígido, embora o apoio fora do Japão fora abandonado quando a produção da consola finalmente cessou. Tal é o caso com o Final Fantasy XV com a versão para a Xbox One.

Enquanto que a Sony tem elogiado a PS Vita e apoiado o cross-platform na PS4, a Square Enix está a considerar uma versão para a portátil da Sony. E para além da Vita, os tablets e smartphones estão em cima da mesa.

Mas passando para o jogo em si, os combates de Final Fantasy XV estão a tomar um rumo com mais ação como tiveram a oportunidade de ver no vídeo de gameplay demonstrado na E3. A equipa decidiu optar por uma dirção diferente, esquecendo um pouco os combates baseados em turnos ou à base de tempo (ATB) para uma mudança totalmente nova. A Square Enix comentou que um recurso novo está a ser adicionado ao jogo e levará os jogadores a subir os monstros durante as batalhas, como podem reparar no fim do vídeo do gameplay, onde Noctis usa os cornos de um behemoth para lançar-se no ar.

Parece também que haverá a possibilidade de alternarem entre as três personagens na vossa equipa a qualquer altura. Noctis, Gladiolus e Prompto são as três que pudemos ver até agora. Falta ainda ver as habilidades de Ignis e do mais recente revelado, Cor.

O produtor executivo Shinji Hashimoto espera que os fãs tradicionais das séries de Final Fantasy não fiquem desapontados e que abracem o novo sistema de batalha introduzido neste novo título. Mencionou ainda que a Square Enix espera ter um feedback positivo desta nova mecânica de combate. Por fim, assegurou que os fãs irão ouvir falar do jogo brevemente e que os dias "desonestos" de retenção de informações sobre os jogos em desenvolvimento por imenso tempo chegaram ao fim.

Posto isto, o que esperar de Final Fantasy XV?

Publicidade

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (22)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários