Capcom admite que houve demasiados Resident Evil em 2012

No futuro levará em consideração lançamentos mais alternados.

Masachika Kawata, o produtor de Resident Evil: Revelations, admitiu ao Videogamer que a Capcom exagerou no número de Resident Evil que lançou para o mercado em 2012.

No ano anterior, foram lançados três jogos da série Resident Evil: Resident Evil: Revelations, Resident Evil: Operation Raccoon City e para terminar Resident Evil 6.

Destes três, Resident Evil: Revelations foi o mais bem recebido, o que levou a Capcom a concluir que "lançar muitos títulos não significa cair nas boas graças dos jogadores".

"Ao mesmo tempo, penso que não devemos alternar os lançamentos artificialmente porque essa é a solução para o problema que temos," continuou Kawata.

"Devemos sempre começar por perguntar de que forma queremos tornar os jogos melhores. E se a solução para fazer jogos melhores é ter lançamentos mais alternados do que tivemos recentemente então é algo que faremos."

Numa entrevista diferente com a Eurogamer inglesa, o produtor não exclui a possibilidade de um reboot na série.

Salta para os comentários (9)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Konami acalma rumores de Silent Hill

Partilha no Twitter gerou especulação indesejada.

The Medium exige uma RTX 2080 para 4K com ray tracing

Eis as especificações mínimas e recomendadas.

Medium corre a 4K e 30 fps na Xbox Series X para sensação cinemática

E para poder apresentar dois mundos em simultâneo.

Também no site...

Comentários (9)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários