Nvidia apresenta Project Shield: A sua consola portátil

Receberá stream de jogos diretamente do vosso PC.

A Nvidia, companhia conhecida pelas suas placas gráficas para PC, apresentou Project Shield, uma espécie de consola portátil que estará disponível no mercado dos Estados Unidos no segundo trimestre de 2013. O preço está ainda por revelar.

Project Shield está equipado com o "processador portátil mais rápido do mundo", um Quad-core A15 CPU, e um GPU NVIDIA GeForce personalizado de 72 núcleos. O ecrã de 5 polegadas multi-touch, capaz de uma resolução de 720p (1366x768), está agarrado a um controlador tradicional, com um d-pad, dois analógicos e quatro botões frontais.

O sistema operativo é a última versão Android Jelly Bean, pelo que será possível desfrutar dos muitos jogos disponíveis no Google Play. Em adição, o Project Shield será capaz de aceder ao vosso computador, se tiverem uma placa gráfica GeForce GTX, e receber stream dos jogos comprados no Steam ou outras plataformas digitais.

É prometido que a latência é ultra-baixa graças a rapidíssimo Wi-Fi do Project SHIELD e ao desempenho dos GPUs GeForce GTX 600.

Assassin's Creed III, Borderlands 2, Skyrim, Hawken, Skyrim, Portal 2, Battlefield 3 e Dishonored são alguns dos jogos suportados pelo Project SHIELD.

Salta para os comentários (43)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Phil Spencer diz que não perde tempo com guerra de consolas

Patrão da Xbox diz que isso impede o crescimento da indústria.

Halo Infinite não permite repetir missões da campanha no mesmo save

Atualização: 343 diz que será implementado mais tarde.

Também no site...

Comentários (43)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários