Pachter opina, Capcom revela, e PlayStation Store renova

O que se passou nesta semana.

Com Outubro a meio temos a indústria a mover-se em ritmo feroz pronto para a corrida às tabelas de vendas, especialmente focadas na quadra Natalícia. Como habitualmente, estamos aqui novamente para num só lugar vos apresentar algumas das notícias mais importantes, ou curiosas, desta semana que passou. Existem sempre informações que nos escapam ou existe sempre um comentário da comunidade que merece ser destacado.

Assim sendo, e sem mais demoras, partimos para este rescaldo semanal que numa só página junta a Capcom, Michael Pachter, a PlayStation Store, Resident Evil 6, o novo jogo da Insomniac que agora mudou de nome e ainda a confirmação que alguns jogadores já compraram Halo 4, o exclusivo Xbox 360 mais aguardado do ano.

Uma das notícias que mais interesse gerou foi o anúncio que a PlayStation Store vai ser renovada já no dia 17 de Outubro. Não será apenas redesenhado para ter um novo look, mas terá também novas funcionalidades como uma melhorada função de pesquisa, melhores filtros - permitindo filtrar através do tipo de conteúdo, preço, e conteúdo agrupado, que junta todos os conteúdos para cada título. A integração PS Vita e a PSP está agora separada, permitindo pesquisar o conteúdo que é relevante para cada utilizador.

Já precisava de um update ao visual, e pelo que posso ver pelas imagens, está muito bem. :) diz o Master_Zica enquanto outros acreditam como o retro_gamer é impressão minha ou tem um "look" de Windows 8?. Para o Nirvanes, Finalmente. Bom design, parece mais intuitivo e fácil de navegar. Só espero que seja também um interface mais rápido, o actual ainda tem uns problemas e espero que este venha corrigir isso mesmo. Mais importante, que não voltem a desaparecer certos conteúdos em algumas áreas, como já aconteceu várias vezes.

Mas as surpresas da Sony não se ficam apenas pela PlayStation Store pois foi confirmado que, existem muitos jogos por anunciar para a PlayStation Vita.Shuhei Yoshida, o presidente dos Worldwide Studios da Sony, disse esta semana à revista Famitsu que existem muitos jogos por anunciar para a PlayStation Vita. Yoshida não avançou mais nas palavras, mas devemos levar em conta que estas declarações dizem respeito ao mercado japonês, onde são lançados vários jogos que nunca chegarão ao Ocidente. Ou seja, Yoshida pode estar a referir-se a títulos em que apenas o público japonês tenha interesse.

Espero que isto seja verdade e que não seja apenas uma treta para manter os jogadores com esperança. O Gravity Rush e o LBP Vita não me vão manter entretido eternamente. Não há dúvida nenhuma que a 3DS tem uma vantagem enorme a nível de catálogo de jogos e a Vita está a tornar-se, em todos os aspetos, uma "PSP 2". Palavras do kk1r enquanto para o maikonstrife o que sente está assim escrito: Já joguei todos jogos do PSVITA, só ver meus troféis ue já vou colocar o perfil na eurogamer, só me falta rayman e little big planet, daqui a té o final do ano, eu jogo todos, e depois? Acho que vai criar teias de aranha até depois da proxima E3, é o que estou vendo que irá acontecer. Existe sim anuncios e promessas para a vita, mas infelizmente, eu não posso inserir anuncios na minha vita e joga-los e tenho que me esperar o release que nunca chega. Só assassins creed e medal of honor, sendo que este ultimo, ninguém espera muita coisa.

Ainda sobre revelações mas já feitas, a Capcom anunciou Darkstalkers: Ressurection. A Capcom acaba de revelar que está a trabalhar novamente na série Darkstalkers, com a reedição de Night Warriors: Darkstalkers Revenge e Darkstalkers 3, dentro do pacote Darkstalkers: Resurrection. A série volta no início de 2013, com distribuição digital a preço de 14,99€ para a PlayStation 3 e 1600 MS Points para a Xbox 360 via Xbox Live. Os jogos estarão à altura da atual geração, com a introdução do HD, do GGPO para o Online, partilha de repetições, modo espetador e ainda achievements, mas apenas dentro do jogo e não aliado ao Xbox Live. As respostas da comunidade são melhor compreendidas na secção de comentários da notícia.

Permanecendo ainda em redor do mundo Capcom, Resident Evil 6 tem conteúdos adicionais bloqueados no disco mas a companhia garante que vão ser desbloqueados sem qualquer custo. No Capcom Unity, foi confirmado oficialmente que vão haver duas atualizações gratuitas na forma de um novo modo de dificuldade: No Hope, e cooperativo para a campanha de Ada, que também vai ficar disponível sem obrigar o jogador a terminar as três campanhas principais. Tendo em conta todo o ambiente atual que paira sobre tudo o que é Capcom, não é de estranhar que as reacções dos fãs não sejam as mais favoráveis.

pagar uma taxa adicional para ter acesso ao multiplayer num jogo é no minimo ridiculo, mas no fundo encaixa perfeitamente na capcom. Hoje em dia à que esperar pelos GOTYeditions. Estas foram as palavras do Bloody27 que vão ao encontro das do Nelson_Roque: Ainda bem que é gratuito mas acho um bocado estúpido estarEM a produzir DLC para virem junto com o jogo. Porque assim já não se chama DLC mas sim conteúdo do jogo. Juntem a estes comentários a participação do Legend_PT: Olha que pensei no mesmo, vindo deles já nem digo nada. Qualquer dia lançam um jogo e depois o "New Game", "Load Game", "Options" vem tudo aos bocados como DLC. xD e facilmente percebemos que a Capcom não anda de mãos dadas com os seus fãs.

Quem também está habituado a gerar controvérsia é Michael Pachter e desta vez apontou a sua atenção à Nintendo Wii U dizendo que, as third-parties provavelmente não vão ter sucesso na Wii U. "Receio que vamos ter uma repetição do ciclo da Wii de uma perspetiva das editoras e de uma perspetiva dos estúdios, no qual poucas pessoas a vão suportar.Então, se tiver sucesso vão aderir, e depois falhar. Quando falharem, vão fugir de novo. A razão pela qual penso que vão falhar é, não me lembro de uma third-party que tenha tido sucesso na DS. Quero dizer, Scribblenauts, portanto existe uma mão cheia de jogos e podes contá-los. Ninguém teve muito bem na DS, e não penso que alguém vá estar muito bem na Wii U."

Parece que é moda criticar a Nintendo. Só depois de se jogar é que se saberá se é funcional ou não, e eu acredito que será. Nintendo é garantia de qualidade. E se a Wii não atraiu as thirds foi por causa da obsessão com os gráficos das thirds -_- disse o swrutra que acrescentou ainda que E essa de ser mais cara não é desculpa. As outras são mais baratas por já estarem há seis anos no mercado. A PS3 começou muito mal quando foi lançada a 600 euros. Para preço inicial, 300 euros por uma Wii U não é mau. Daqui a dois anos há-de custar ainda menos.

Continuando ainda dentro daquela linha fina na qual não sabemos se rir ou chorar ficamos a saber que, a Square Enix pede para esperarem mais um pouco para saberem mais sobre Versus XIII. Quem o afirma é Tetsuya Nomura, produtor da série, que em resposta na revista japonesa Famitsu, afirma "Ainda continuamos a trabalhar no Versus", conforme noticiado pelo Kotaku. Nomura acrescenta, "Porque todo o pessoal tem estado a trabalhar no jogo, por favor esperem mais um pouco por novas notícias".

Eis a resposta do kk1r, Título de lançamento para a PS4, a ser anunciado no final deste ano ou na E3 de 2013. Não me admiro nada... para expressar bem a forma como os fãs encaram a atual politica da Square Enix em relação ao aguardado jogo. Para eles também não deve ser nada fácil, estarem em estúdio a produzir o jogo e estarem constantemente a serem questionados pela data de lançamento. Lembrem-se que enquanto o Jogo não sai para a Square-Enix o FF Versus não vai ser nada mais que prejuízo, pois ainda não obtiveram lucro das vendas. Eles são os principais interessados no lançamento do jogo. Se ainda não lançaram, tem os seus motivos...vamos esperar pediu o FraSoares. O Nobodyless comentou que, Curiosamente estamos a chegar à recta final da geração e ainda existem 2 produtoras independentes que anunciaram exclusivos PS3 e nunca mais deram noticias sobre eles. Estou a falar da Square Enix com FF Versus XIII e da Rockstar com o Agent. Então deste ultimo nunca mais se soube de nada

Sobre desaparecidos mas que neste caso decidiram deixar de o ser, a Insomniac mudou o nome a Overstrike para Fuse e explicou o porquê. Em declarações ao Joystiq, Brian Allgeier, diretor criativo do jogo, fala sobre esta mudança, que estranhamente não caiu bem dentro da comunidade de jogadores. Inicialmente a ideia por detrás de Overstrike era um shooter cooperativo de quatro jogadores, onde o primeiro trailer revelava uma parte bastante cómica. O "novo" jogo é agora mais sério, e muitos jogadores já afirmam que é mais um shooter genérico. Brian Allgeier afirma que apesar de parecer mais sério, Fuse continua a ter elementos de ficção tais como "bases debaixo de água. Temos mísseis e vulcões. Temos imensas situações exóticas, mas ao mesmo tempo queremos que as pessoas levem a sério o universo".

Não tem de parecer sério para ser levado a sério. Acho que Overstrike ficava melhor no ouvido. E visualmente estava muitíssimo mais interessante como foi mostrado a primeira vez. Palavras do feitio que fizeram eco no comentário do RockyMotion que foi mais além dizendo que, Portanto em vez de fazerem algo diferente, decidiram optar pelo mesmo caminho que 90% dos jogos do mercado. Genérico, "sério" e provavelmente sem uma pinta de bom humor. Ratchet and Clank tem comédia, é tudo menos genérico e é a melhor coisa que a Insomniac alguma vez fez. Vão mudar de princípios só porque alguns imbecis dizem que jogos engraçados são para crianças? Até me pergunto se estão a fazer isto porque passaram a fazer jogos multiplataforma. Visto que os dois jogos mais populares da 360 são shooters mal-humorados que se levam demasiado a sério...

Para terminar temos a notícia que Halo 4 já anda pelas ruas. Apesar de ainda faltarem algumas semanas para o lançamento de Halo 4, que será lançado mundialmente no dia 6 de novembro, alguns relatos dão conta de discos do jogo já estarem nas ruas. Imagens do jogo em forma de disco já circulam pela internet, conforme poderão ver na lateral.Por outro lado já existem relatos de pessoas estarem a jogar Halo 4, conforme poderão ser vistos no Xbox Live.

Por esta semana temos reunidas algumas das notícias que mais interesse geraram dentro da nossa comunidade e cá estamos já à espera de uma nova prestes a começar. Mais novidades estão a caminho e mais lançamentos são esperados portanto não se façam rogados, escolham viver uma vida além da vossa própria e deixem que a fantasia, ou a ação ou o desporto até faça parte das vossas.

Salta para os comentários (5)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (5)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários