Experimentámos jogos "third party" para a Nintendo Wii U

Chegam estes? NBA 2K 13, Mass Effect 3, Assassin's Creed 3, Rayman Legends, Darksiders 2.

Ainda antes da Nintendo ter anunciado na última Nintendo Direct grande parte dos jogos que integram o lançamento da Wii U no próximo mês de Novembro, já se sabia que haveria uma forte presença de jogos "third party". A Nintendo aprendeu à custa do lançamento da 3DS e desta vez desenvolveu mais esforços com editoras e produtoras de renome para fazer do "day one" da Wii U sobretudo uma celebração "gaming". Há quem diga que a fornada de títulos que vai seguir para as lojas nesse dia de Novembro e depois é a melhor de sempre, ou pelo menos a mais equilibrada. Veremos, porém, se no meio de tantas ofertas, muitos jogos bons e com margem de progressão numa outra altura não ficarão ofuscados pelo peso de títulos eventualmente mais sonantes.

"Mas o grande ponto de destaque neste primeiro olhar sobre estes jogos "third party" prende-se com a ligação que os mesmos têm com o GamePad."

Neste nosso contacto com a Wii U experimentamos uma boa maioria dos jogos que irão acompanhar a consola desde o lançamento até ao período de natal. É certo que alguns deles já saíram no mercado e outros serão lançados simultaneamente noutras plataformas. Mas o grande ponto de destaque neste primeiro olhar sobre estes jogos "third party" prende-se com a ligação que os mesmos têm com o GamePad. Já se sabe que na Wii U e por força do comando, estes jogos nunca serão versões integralmente repetidas. Os produtores foram incentivados a desenvolver versões especiais que pudessem acomodar especialidades resultantes do comando. Nalguns jogos isso é mais patente, levando a que o resultado seja mais surpreendente nalguns jogos que noutros. Porém, o estado das demonstrações que nos foram disponibilizadas ainda é algo limitado. Demonstrações curtas, revelação de apenas algumas secções e muita ocultação em termos de características finais.

Porém e em função dos jogos disponibilizados não temos dúvidas que o catálogo de lançamento será forte e envolve ofertas que abarcam vários géneros, com experiências para todo o tipo de jogadores. Desde títulos mais básicos e acessíveis como Nintendo Land ou New Super Mario Bros U, passando por outros como Zombi U para a audiência "hardcore" naquela que será uma experiência de survival à moda antiga, é caso para se dizer que boa parte da indústria quer estar ao lado da Nintendo no arranque da Wii U. No fim a decisão cabe aos consumidores e fãs. Mas é a pensar neles que a Nintendo trabalhou no sentido de providenciar a maior oferta possível.

NBA 2K13

A série NBA 2K é sinónimo de qualidade. De tal modo que tem asfixiado todas as possibilidades da EA recuperar o jogo da mesma modalidade. Produzido pela Visual Concepts e editado pela 2K Sports, NBA 2K13 chega mais cedo às consolas da atual geração. Ainda não existe uma data concreta para o lançamento desta versão Wii U, mas por aquilo que pudemos experimentar os fãs vão ficar deliciados com esta edição.

Espantoso graficamente, um dos seus maiores atributos está na quantidade de animações e movimentos que os jogadores podem protagonizar. Além disso, acrescem jogadas "sui generis" e típicas da modalidade, abundando os rasgos individuais, os lançamentos de longa distância e os típicos afundanços se beneficiarem de uma posição privilegiada.

A animação em termos de frame rate é espantosa. A partida decorre com visível fluidez. Das bancadas os adeptos levantam-se e incentivam os jogadores. O treinador é uma figura permanentemente em foco pelas câmaras e o ambiente vivido na dome é avassalador. Quanto às propriedades de quem segura o GamePad, uma das vantagens que será dada ao jogador é a possibilidade de descobrir quais os jogadores da equipa rival que estão mais cansados, através do ecrã instalado no comando e de uma visão raio-x. Resta saber se os jogadores adversários em modo local que segurem o comando Pro terão algum meio ao dispor já que esta característica beneficia quem segura o GamePad.

Não podemos deixar de salientar que ao segurar o GamePad temos acesso ao jogo tal e qual como está a decorrer no ecrã. Por aqui ficamos deliciados com a definição emergente. As partidas decorrem exatamente como vêm no televisor, sendo que a dimensão do ecrã é suficientemente generosa para não cansar a vista.

Tekken Tag Tournament 2

Disponibilizado recentemente para as consolas PS3 e Xbox 360, o beat'em up da Namco oriundo da mente de Harada irá estrear-se na Wii U bem perto do Natal. Em termos visuais não há diferenças a apontar, pelo menos à vista desarmada. O jogo corre na consola a todo o vapor e chegará com todas as funções disponibilizadas.

Podendo ser jogado com o GamePad ou com o comando Pro que a Nintendo irá disponibilizar juntamente com outros periféricos first party, não vimos grandes especialidades respeitantes ao uso do ecrã táctil no GamePad. Contudo, Harada parece querer manter a experiência ao nível do combate tal como a conhecemos usando os botões tradicionais do comando para os golpes, optando por uma abordagem diferente para esta versão Wii U. Durante o combate serão lançados power ups típicos dos jogos Nintendo como cogumelos de crescimento. A personagem que for capaz de chegar a um deles primeiro adquire uma dimensão sobre humana, como um gigante Super Mario, ao ponto de tolher de receio o adversário.

Nalguns casos e após a transformação ficou realmente complicada a tarefa para o jogador diminuto, que sofreu um KO por total espancamento. Mas uma vez que os "power ups" eram constantemente atirados à arena, o adversário podia transformar-se e embater de igual para igual. Perspetiva-se um combate de gigantes.

Skylanders Giants

Skylanders 2 para a Wii U irá dar continuidade ao jogo de ação para consolas baseado em pequenos brinquedos que são ativados através de um portal colocado diante da consola. A Vicarious Vision diz que a versão para a Wii U será a mais bonita com mais densidade de texturas e uma melhor resolução.

A mecânica central do jogo é similar à anterior versão, podendo alterar as personagens a qualquer altura. No entanto a produtora preparou algumas especificidades a pensar no GamePad. Desde logo, a partir do ecrã instalado no comando o jogador fica com uma ideia do campeão que está a utilizar acedendo a um conjunto de informações sobre o seu estado. Outra característica tem que ver com alguns mini jogos a partir do ecrã táctil baseados em cartas das personagens.

Haverá um modo para vários jogadores, podendo um deles usar o comando Pro no modo local, partilhando o campo de combate com o outro jogador. Skylanders 2 é um jogo de ação e aventura repleto de confrontos, muitas explosões e um grafismo vibrante.

Nano Assault Neo

Proveniente dos estúdios Shin'en, este shooter que rapidamente nos lembra jogos como Super Stardust, aproxima-se também dos mundos esféricos de Super Mario Galaxy. O jogador comanda uma nave espacial que sobrevoa uma espécie de globos celulares afetados por um vírus. O objetivo é naturalmente abater tudo o que possa brotar dessas formas cilíndricas e fugir para uma zona de salvação no fim do nível.

Haverá bosses, muitos power ups e satélites que equipam a nossa "nave" e a deixam otimizada para enfrentar as vagas sucessivas de adversários. Interessante é a forma dos globos nunca possuir a mesma textura e desenho. O design é apelativo, repleto de luzes, muito celular, revelando assim bastante identidade. Um jogador pode comandar através do GamePad a sua nave seguindo pelo ecrã o que se passa diretamente no televisor. Um segundo jogador pode, opcionalmente, juntar-se à batalha desde que para isso tenha um Wii Remote. O Nano Assault Neo irá estar disponível na eShop no dia de lançamento da consola.

Publicidade

Salta para os comentários (16)

Sobre o Autor

Vítor Alexandre

Vítor Alexandre

Redator

Adepto de automóveis é assim por direito o nosso piloto de serviço. Mas o Vítor é outro que não falha um bom old school e é adepto ferrenho das novas produções criativas. Para além de que é corredor de Maratona. Mas não esquece os pastéis de Fão.

Conteúdos relacionados

Juventus vai chamar-se Piemonte Calcio em FIFA 20

Mas poderás na mesma jogar com Cristiano Ronaldo.

A Juventus é exclusiva do PES 2020

Será o único jogo com o nome do clube, o emblema e estádio.

Também no site...

A Juventus é exclusiva do PES 2020

Será o único jogo com o nome do clube, o emblema e estádio.

PES 2020 - Demo chegará a 30 de Julho

Arsenal, FC Barcelona, Palmeiras, Flamengo e mais.

FIFA 18 - As melhores promessas e estrelas escondidas

Os jogadores melhores e com mais potencial com menos de 21 anos.

PES 2020 não terá o Liverpool licenciado

O contracto com a Konami terminou.

PES 2020 - Data de lançamento, Gameplay, Trailer - Tudo o que sabemos

O que esperar do novo simulador de futebol da Konami?

Comentários (16)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários