Filme de Halo não aconteceu por causa da Microsoft

Jamie Russell conta a história em detalhe.

Jamie Russell, o autor do livro Generation Xbox: How Videogames Invaded Hollywood, revelou como é que o filme de Halo nunca aconteceu.

O projeto para o filme de halo começou com um screenplay escrito por Alex Garland, conhecido por 28 Days Later e The Beach, ao qual a Microsoft pagou $1 milhão só para essa tarefa. A Microsoft supervisionou a escrita, de forma a ser fiel a universo do jogo.

O passo seguinte foi arranjar um estúdio. A 6 de junho de 2005 a Microsoft invadiu os vários estúdios de Hollywood acompanhada por atores com fatos de Master Chief para tentar fechar um acordo. Os termos da Microsoft eram exigentes, e no final do dia, apenas a Universal e a FOX estavam interessados. Ficou acordado que a Universal iria distribuir o filme em território Norte-Americano e a FOX ficaria com o resto.

Depois a Microsoft queria um grande diretor para o filme, e conseguiu que Peter Jackson fosse um co-produtor ao lado de Peter Schlessel, Mary Parent e Scott Stuber. Jackson queria que Neill Blomkamp, descrito como o seu protegido, e responsável por alguns anúncios para a Nike, dirigisse o filme.

Blomkamp revela que a sua relação com as companhias por detrás do projeto não era a melhor, tendo sido tratado mal pela FOX e pressionado Microsoft, que queria controlar o lado criativo do filme. Para agravar a situação, a Universal investiu $12 milhões para o desenvolvimento preliminar do filme, que foi gasto em vários screenwriters, versões reais das armas do jogo, armaduras e Warthog.

O desenvolvimento do filme estava a decorrer lentamente, e a Universal e Fox começaram a ficar impacientes à medida que os custos aumentavam. Em Outubro de 2006, antes do pagamento aos realizadores e Microsoft, a Universal exigiu que os acordos com os produtores deviam ser reduzidos. Peter Hackson e os co-produtores não aceitaram, e foi assim que o filme de Halo foi por água abaixo.

Larry Shapiro da Creative Artists Agency culpa a Microsoft que recusou a redução do acordo, que segundo a Variety, queria 10 milhões mais 15 porcento das receitas do Box Office, e ainda um orçamento de $75 milhões e uma produção rápida.

Shapiro termina comentando que o filme de Halo poderia ter sido o Avatar.

Publicidade

Salta para os comentários (10)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

The Game Awards - Todas as novidades numa página

A Xbox Series X, os vencedores, jogos PS5 e mais.

Sekiro nomeado o Jogo do Ano nos Game Awards 2019

Disco Elysium foi um dos grandes nomes da noite.

Halo: MCC regista 3 milhões de jogadores na semana de lançamento da versão PC

Jogo mais vendido no Steam na sua semana de lançamento.

Também no site...

Metro Exodus - Quais as melhores armas do jogo?

Explicamos-te ainda como personalizar e limpar as tuas armas.

Metro Exodus - Todas as localizações dos Postais

Descobre a localização dos 21 postais em Metro Exodus.

Metro Exodus - Onde procurar todos os Diários

Onde encontrar as 71 páginas de Diário em Metro Exodus.

Comentários (10)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários