As consolas são sempre concebidas para serem usadas como uma forma de entretenimento, mas a realidade é que podem ser usadas para outras coisas, incluindo coisas infelizes, que é o caso que se segue.

Um padre católico, Rudolph Bullman, foi acusado de usar a sua Nintendo DS para visualisar pornografia infantil e será julgado no tribunal de Flathead County (estado do Montana nos E.U.A) no dia 29 de março. O padre não se encontra preso, mas está de licença administrativa da igreja desde que os seus superiores tomaram conhecimento da acusação.

O padre foi apanhado depois de uma mulher ter reportado à polícia que a Nintendo DS que lhe tinha sido vendida pelo próprio continha fotos de rapazes nus com menos de 18 anos. O padre admitiu depois que utilizava a portátil da Nintendo para ver pornografia gay mas salientou que os sites a que acedia declaravam que as fotos eram de rapazes com mais de 18 anos.

Bullman mostrou-se cooperativo com a investigação e confessou que também utilizava o seu PC para ver pornografia e deixou que a polícia investigasse a máquina. Bullman disse aos investigadores que pornografia infantil aparece ocasionalmente no seu computar quando pesquisa por sites pornográficos, mas negou procurar especificamente ou ver pornografia infantil.

A análise ao HDD do computador revelou 23 imagens de pornografia infantil através dos ficheiros cache. A detetive Jeanne Parker determinou que os rapazes nas imagens tinham menos de 16 anos.

Bullman poderá apanhar 10 anos de prisão e uma multa de 10 mil dólares.

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Mais artigos pelo Jorge Loureiro

Comentários (40)

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários

Conteúdos relacionados