Tameem Antoniades, responsável pelo design na Ninja Theory, disse em entrevista com a revista PSM3 que não tem nada contra os peitos grandes, mas que para conseguir o objetivo de apelar a um público mais vasto, acredita que DmC precisa de estimular os jogadores de uma outra forma.

"Se for verdade que a média dos jogadores de consola está acima dos 30 - o que eu acredito - então não podes usar esses truques baratos para apelar às pessoas a quererem comprar o teu jogo," explicou ele.

"Não tenho nada contra os peitos grandes - quem me dera neste momento ter a minha cabeça pousada sobre um par deles - mas se vais tentar estimular alguém a diferentes níveis, existem melhores formas de o fazer. Se olhares para as grandes estrelas do cinema, as mulheres que as pessoas acham que são realmente atraentes normalmente não são aquelas que têm grandes peitos. Tens de ser atraente a um nível diferente."

"Fizemos isso em Enslaved com a Trip. As pessoas adoraram-na, não porque tinha grandes peitos, mas porque ela parecia ser alguém que podia ser a tua namorada. Para mim isso é mais atraente que uma prostituta andar a passear-se com uma grande arma."

O novo Devil May Cry vai ser lançado no final deste ano para PlayStation 3 e Xbox 360.

Publicidade

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.