Estudo: Jogos de ação melhoram desempenho do cérebro

Melhoram criatividade, decisões e percepção.

Já ouvimos centenas de vezes que os videojogos são prejudiciais para quem desfruta deles, sejam através dos progenitores, amigos ou meios de comunicação com os canais televisivos.

No entanto, um estudo publicado no Wall Street Journal revela que os videojogos, principalmente os do género da ação, melhoram o desempenho do cérebro dos jogadores.

O estudo, levado a cabo por várias universidades, sugere que os videojogos melhoram a criatividade, decisões e percepção, ou até coisas mais específicas como a coordenação entre a visão e mãos de um cirurgião e visibilidade quando conduzimos de noite.

Os resultados do estudo demonstra que os jogadores são capazes de tomar decisões 25 porcento mais rápido que as pessoas que não jogam, isto sem perder qualquer precisão. Os jogadores também são capazes de prestar atenção a seis coisas ao mesmo tempo, enquanto que as pessoas que não jogam ficam-se pelas quatro.

Porém, nem tudo é benéfico. Análises ao cérebro mostram que os videojogos violentos podem alterar o seu funcionamento em apenas uma semana, reduzindo a atividade em regiões associadas com o controlo emocional. Para além disto, outros estudos encontraram uma relação entre os videojogos e excesso de peso, ser introvertido e deprimido. Estes estudos não compararam os benefícios citados em cima com este lado menos positivo.

Se acham que esta conversa de alterar o cérebro é assustador, saibam que outras coisas como ler, tocar piano ou até navegar nas ruas de uma cidade são capazes do mesmo efeito.

Salta para os comentários (11)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (11)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários