Gran Turismo 5 - Speed Test e Car Pack 3

Novo modo, nova pista e novos carros. O pacote perfeito?

O nível de apoio que Gran Turismo 5 tem recebido da Poliphony Digital tem sido exemplar. As atualizações têm sido constantes, melhorando e adicionando novos conteúdos ao jogo, como novos desafios nos Seasonal Events que encorajam os jogadores a permanecerem interessados no jogo.

Para além das atualizações, a Poliphony Digital começou no passado outono a disponibilizar conteúdos adicionais pagos sob a forma de novos carros, circuitos e equipamento para o piloto. Os DLC são tão importantes quanto as atualizações, porque também contribuem para que o jogo continue atual e com uma comunidade ativa, não caindo assim no esquecimento.

Os mais recentes DLC para Gran Turismo 5, o "Car Pack 3" e "Speed Test Pack", acrescentam seis novas máquinas e uma pista que permite levar os carros ao limite para descobrir a sua capacidade de aceleração e velocidade máxima. O preço a pagar por estes conteúdos é de 5.99€ e 3.99€, respetivamente. A questão é, será que a qualidade destes conteúdos justificam o seu preço?

Car Pack 3

Comecemos por analisar o Car Pack 3. Os carros incluídos no pacote são os seguintes: Lamborghini Aventador, Jaguar XJR9, Aston Martin V12 Vantage 2011, VW 1200 1966, Mini Countryman S 2011 e Nissan Leaf. Portanto, temos em mãos três grandes máquinas, um clássico e dois carros "normais", isto é, daqueles que vemos na rua todos os dias.

A inclusão de todos os veículos é bastante aceitável e compreensível, com a excepção do Nissan Leaf. O carro elétrico da Nissan é excelente como uma resposta de combate à poluição ambiental, e nessa perspetiva é um grande carro. No entanto, é um carro de pouco interesse em Gran Turismo 5 e não há qualquer motivo aparente para o conduzir. A nível de condução não é um carro entusiasmante, e não há qualquer prova em que possa ser utilizado.

Dos restantes carros, a mais recente criação da Lamborghini será certamente um dos preferidos dos jogadores. Com a sua cor Arancio Argos é impossível resistir-lhe, e com uma maior potência e um menor peso em relação ao modelo anterior, o Murciélago, é um sonho de se conduzir. Com algumas afinações, é até capaz de competir com os carros da categoria Le Mans. O único problema, é que ao adicionarem-lhe uma nova asa, a asa original permanece no carro e quando esta surge a grandes velocidades, fica uma asa em cima da outra.

O Jaguar XJR9 revelou-se bastante útil para algumas das provas dos Seasonal Events, a apesar de ser um carro de corrida, ainda é possível aumentar-lhe a potência aos instalar um turbo de nível 3. Algo que agradará aos mais puristas neste carro, é que sendo Premium (assim como os outros carros do pacote), tem uma visão de Cockpit fiel à realidade. É um dos poucos carros de corrida em GT5 com tal característica.

Sobre o VW 1200 1966 não há muito a dizer. Vale a pena conduzir porque é um clássico, e poderá ser uma experiência divertida numa corrida com amigos e com carros todos iguais, semelhante ao desafio Top Gear das carrinhas Volkswagen.

Com a sua entrada para o WRC, a inclusão do Mini Countryman S 2011 é perfeitamente justificável e acaba por ser uma boa surpresa a nível de condução. Apesar de ter engordado uns quilos em relação ao Mini Cooper (cerca de 100 Kg), é um carro ágil e divertido de se conduzir, principalmente em pistas com curvas apertadas.

Speed Test Pack

Embora pareça útil e interessante, o "Speed Test Pack" acabou por se revelar uma desilusão. Tudo o que podem fazer aqui é testar a aceleração e velocidade máxima do carro, nada mais. Não há uma análise detalhada ao desempenho e não é dada qualquer dica como poderemos melhorar o carro a ser testado. Antes de avançar para o teste, é necessário selecionar o carro que queremos testar e só depois avançamos para a pista, o que implica alguns segundos de loading. Se quisermos testar outro carro, o processo repete-se, temos que voltar ao menu e selecionar o carro desejado. Ou seja, testar vários carros acaba por gastar mais tempo que o que deveria.

A pista do Speed Test Pack, que recebeu o nome de Special Stage Route X, conta com duas retas de 12 quilómetros (a pista tem no total 30 quilómetros) que são sempre seguidas por uma grande curva inclinada. Sejam qual for o carro, é certo que vão atingir sempre a sua velocidade máxima nesta pista. Quando em corrida, se os carros forem de potencia semelhante, só nos últimos metros é que o vencedor será determinado. Aqui há que saber aproveitar o vácuo de ar deixado pelos outros carros e manter o carro o mais estável possível. Se ficaram para trás do pelotão, mais vale começarem de novo.

Além do seu gigantesco tamanho, a pista Special Stage Route X também merece destaque pelo seu visual. É uma das pistas mais belas disponível para Gran Turismo 5, sendo baseada no porto de Hakata em Fukuoka.

Portanto, será que a qualidade destes conteúdos justificam o seu preço? Quanto ao "Car Pack 3", os carros que acrescenta ao jogo são todos bem-vindos, isto claro com a exceção já referida no Nissan Leaf. No entanto, 5.99€ é um preço um pouco elevado para apenas seis carros. O preço é igualmente um problema no "Speed Test Pack", que para além da nova pista, perde o interesse rapidamente porque oferece muito pouco.

6 /10

Lê o nosso Sistema de Pontuação

Salta para os comentários (18)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Destruction AllStars review - Divertido e nada mais

O conteúdo poderia ser mais abudante.

WRC 9 - Review - Geração pré-híbrida

Os carros mais rápidos nas estradas do dia-a-dia.

Project CARS 3 - Review - Arcade mode

Slightly Mad Studios muda a direcção do jogo.

Também no site...

Comentários (18)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários