Bossa Studios acredita que Vita terá morte prematura

E não confiam nas consolas da próxima geração.

A Bossa Studios, estúdio dedicado ao desenvolvimento de jogos para as plataformas sociais, não augura nada de bom para o futuro da PlayStation Vita.

Henrique Olifiers, responsável pela equipa, não confia na próxima geração de consolas.

"Mantemo-nos expectantes quanto àquilo que traz a próxima geração de consolas, mas se querem focar-se mais nas especificações técnicas que na usabilidade, então não iremos apostar nelas."

Olifiers é a favor de que as grandes fabricantes de consolas procurassem uma plataforma aberta e não fechada como nos dias de hoje.

"Devemos mudarmo-nos para as plataformas abertas, algo que possa reunir todas as pessoas. Se este não for o lema para os fabricantes de consolas, só não estaremos lá, como também existem muitas probabilidades de terem uma horrível morte prematura, como penso que acontecerá com a Vita."

Salta para os comentários (40)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Recomendado | Death's Door - review - The Legend of Souls

Uma cativante experiência do início ao fim.

Fortnite é um pesadelo, diz José Mourinho

Os jogadores passam demasiado tempo a jogar.

O que estamos a jogar - 31 de Julho

É tu, a que jogos tens dedicado o teu tempo?

Artigo | Spider-Man: Miles Morales tem algo a ensinar aos jogos em mundo aberto

Insomniac Games ressuscitou uma sensação que pensava perdida.

Também no site...

Recomendado | Death's Door - review - The Legend of Souls

Uma cativante experiência do início ao fim.

O que estamos a jogar - 31 de Julho

É tu, a que jogos tens dedicado o teu tempo?

Fortnite é um pesadelo, diz José Mourinho

Os jogadores passam demasiado tempo a jogar.

Parte 2 de Fantasian está quase pronta

Mistwalker promete que será maior que a primeira.

Comentários (40)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários