Irão responde a Battlefield 3 com "Attack on Tel Aviv"

Jogo da EA foi proibido naquele país.

O Irão está a desenvolver o jogo Attack on Tel Aviv como resposta a Battlefield 3, jogo de ação em que num dos níveis passa-se em Teerão, que é precisamente a capital do Irão.

O jogo da EA DICE foi proibido naquele país, depois das autoridades terem descoberto que um dos seus níveis consistia em atacar o regime dos aiatolas. Na verdade trata-se do primeiro jogo que foi expressamente proibido naquele país.

Segundo a agência noticiosa iraniana Fars, a Fundação Nacional do Irão para os Videojogos, dirigida por Behruz Minaei, disse que estão a trabalhar no jogo Attack on Tel Aviv como resposta àquilo que consideram uma agressão em Battlefield 3. De acordo com Minaei, existem muitos programadores iranianos prontos para colaborar no desenvolvimento do jogo.

Minaei não criticou apenas a "inaceitável localização do jogo no Teerão", como também as "muitas falhas técnicas e de vídeo" que tem o jogo da Electronic Arts. O Irão enviou uma série de cartas e mails à companhia responsável pelo jogo para protestar sobre alguns dos níveis na sua capital, mas a companhia não respondeu.

Minaei não explicou porque é este jogo consiste num ataque a Israel, país que nem sequer está relacionado com a Electronic Arts.

Salta para os comentários (13)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Metro Exodus - Quais as melhores armas do jogo?

Explicamos-te ainda como personalizar e limpar as tuas armas.

Metro Exodus - Todas as localizações dos Postais

Descobre a localização dos 21 postais em Metro Exodus.

Metro Exodus - Onde procurar todos os Diários

Onde encontrar as 71 páginas de Diário em Metro Exodus.

Comentários (13)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários