Microsoft foi a salvadora da Lionhead

Produtora estava de joelhos antes da aquisição.

Um antigo membro da Lionhead revelou que o estúdio "estava de joelhos" quando a Microsoft comprou a produtora britânica.

James Duncan, que trabalhou em Fable 2 e Fable 3 antes de sair da produtora para criar o seu próprio estúdio, contou ao Eurogamer que a Microsoft poderá ter salvo a Lionhead de fechar portas.

A Lionhead, que nasceu em 1997 depois de Peter Molyneux ter deixado a Bullfrog, criou os jogos Black & White, Fable, Black & White 2 e The Movies antes da aquisição da Microsoft em abril de 2006.

Duncan juntou-se à Lionhead nesse ano como artista e ajudou a fazer Fable 2 e Fable 3. Em março de 2010, pouco tempo antes de Fable 3 ter sido lançado, ele deixou a produtora para criar a RedBreast Studios e para começar a trabalhar num jogo para as plataformas iOS.

"No dia em que comecei a trabalhar a Microsoft disse literalmente nós vamos comprar-vos," disse ele ao Eurogamer. "Foi uma época fantástica, houve uma grande reviravolta na companhia. Quando és comprado pela Microsoft há sempre um grande alarido. A Lionhead estava de joelhos. Eles precisavam desesperadamente de ajuda. Por isso quando a Microsoft apareceu foi o júbilo. Muitas pessoas mostravam sinais de alívio pelo facto da Microsoft aparecer como a salvadora."

"Foi um período de turbulência onde tens a Microsoft a assumir o comando e a querer empurrar as coisas para uma determinada direção e a se concentrar em algumas coisas enquanto que outras coisas não estavam a ser concentradas naquela altura. Foi uma época interessante para chegar e se trabalhar num grande jogo."

Ainda antes da aquisição já havia rumores que a produtora procurava um comprador depois dos jogos para PC Black & White 2 e The Movies terem sido um fracasso comercial.

Em março de 2006 o estúdio tinha despedido 50 funcionários e reduziu o seu catálogo de jogos para apenas dois títulos. Uma adaptação para consolas de The Movies foi supostamente cancelada após a Activision ter perdido o interesse. E a EA também não parecia estar interessada numa nova sequela de Black & White.

"As coisas eram difíceis naquela altura," acrescentou Duncan. "Claro que quando a Microsoft apareceu com a oferta foi bom para a Lionhead, talvez porque eles precisavam que uma mão forte aparecesse e os ajudasse naquela altura."

Uma das coisas que permaneceram sempre na história da Lionhead, foi o entusiasmo do seu fundador, Peter Molyneux.

Os jogadores muitas vezes criticam-no por não cumprir com as suas promessas, mas segundo Duncan, que trabalhou com Molyneux durante cerca de 5 anos, o criador de Populous é uma pessoa muito valiosa.

"A única coisa que tu nunca podes tirar daquele tipo é que ele é um orador fantástico e um grande motivador, alguém que consegue levantar o ânimo das tropas, surgir com uma ideia ou algo e consegue vender essa ideia e projetá-la externamente para tipos como tu. Isso é uma enorme vantagem para qualquer companhia. Tu precisas disso. As companhias vivem e morrem com publicidade ou apenas conseguindo ter a presença de outras pessoas que sabem que elas existem. Em relação a Peter Molyneux ele é nota 10, é absolutamente valioso."

"É o tipo de pessoa que preferes ter ao teu lado. A indústria precisa de pessoas como ele. É ótimo ter este tipo de pessoas porque geram interesse, e isso é muito importante. Podes ter o melhor jogo do mundo mas se não for bem promovido morres na praia. E igualmente podes ter o pior jogo do mundo e ter uma promoção fantástica e vender milhões."

"É muito valioso ter o Sr Molyneux. Parece um bocado exagerado mas ele é absolutamente fantástico para ti. Qualquer coisa que ele diga, quer seja lixo ou não, tu vais imprimi-la de uma forma que gera mais interesse na Lionhead, no jogo ou apenas na publicidade. Tal como diz o ditado nenhuma publicidade é má publicidade, e isso é verdade."

Salta para os comentários (28)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (28)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários