Red Dead Redemption e os DLCs grátis

Estratégia para combater mercado 2ª mão.

Strauss Zelnick, responsável máximo da Take-Two, reconheceu que o primeiro pacote de conteúdos descarregáveis para Red Dead Redemption, lançado gratuitamente para todos os jogadores apenas um mês após o lançamento do jogo, fez parte de uma estratégia da companhia para combater o mercado de 2ª mão.

O pacote, intitulado de "Outlaws to the End", introduzia um modo multijogador cooperativo online no jogo, e foi anunciado pouco depois do lançamento do jogo como extra gratuito. Zelnick reconheceu que o objetivo dele era o de evitar que os primeiros compradores do jogo o vendessem no mercado de segunda mão.

"A teoria era deixar que os consumidores soubessem que havia um motivo para ficarem com o jogo porque a maioria do impacto das vendas de jogos usados nas vendas de jogos novos dá-se durante as primeiras seis semanas," explicou Zelnick. "Por isso se conseguíssemos que as pessoas ficassem com o jogo durante seis semanas, os jogos não estariam na secção de jogos usados, o que significava que as pessoas tinham que comprá-los novos."

Zelnick referiu que o resto dos pacotes de conteúdos não estavam planificados com antecedência, e que o seu desenvolvimento foi simples, admitindo que em maio, quando lançaram o jogo, não imaginavam que lançariam conteúdos com a dimensão de "Undead Nightmare", pacote que chegou a ser lançado como jogo independente em novembro do ano passado.

A estratégia da Take-Two para combater o mercado de segunda mão contrasta com a adotada por muitas companhias, que apostam na inclusão de um passe online para aceder aos modos online ou a determinados conteúdos, cobrando dinheiro aos utilizadores de segunda mão por isso, obtendo assim uma compensação por essas vendas.

Salta para os comentários (5)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (5)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários