Raphael Colantonio, desenhador chefe de Dishonored, criticou duramente Call of Duty ao entender que esta série "cria jogadores estúpidos."

Com isto, o membro da equipa dos Arkane Studios, encarregados de produzir o jogo que foi anunciado pela Bethesda, tentou explicar as diferenças entre o seu projeto e o tipo de jogo que oferece a série da Activision.

"Se tu fazes jogadores estúpidos com aquilo que oferece CoD e vem alguém com uma proposta como Dishonored...," explicou ele à revista Chief, destacando que muitos jogadores não estarão preparados para jogar um jogo como o seu depois de passarem por jogos como os da Activision.

Colantonio admitiu também não estar impressionado com Call of Duty, e elogiou o facto de ainda haver espaço para obras como BioShock e Deus Ex.

"Estes jogos treinam os jogadores para serem melhores e permite-lhes pensarem." Algo que supostamente também irá oferecer Dishonored.

Publicidade

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.