DJ Hero ajudou a matar Guitar Hero

Kotick reconhece falta de inovação na série.

Bobby Kotick, presidente da Activision, acredita que um dos motivos que levou ao final da série Guitar Hero foi DJ Hero.

Refletindo sobre as ações da companhia no passado, Kotick reconhece que deviam ter estudado melhor o mercado antes de terem lançado DJ Hero.

"Criamos um jogo muito aclamado e com notas elevadas - estes são os maiores falhanços, quando dedicadas a tua alma e ofereces um jogo extraordinário e ninguém aparece para comprá-lo," disse Kotick numa entrevista com o Forbes.

"Foi isso que aconteceu com DJ Hero. E ao mesmo tempo estávamos tão entusiasmados com esta nova direção, que penso que abandonamos um pouco a inovação que era preciso para Guitar Hero".

Embora a Activision tenha decidido retirar do mercado a série Guitar Hero, não a abandonou por completo. No futuro a companhia vai procurar reinventar Guitar Hero ao recorrer a novos estúdios de produção.

Salta para os comentários (5)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (5)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários