A importância das armas em Dead Island

Vai ser possível personalizar os utensílios.

A colheita de armas, desenvolvimento e personalização irão desempenhar um papel importante no mundo de Dead Island.

Quando a horda de zombies vier ter com o jogador, o mesmo vai precisar de usar qualquer coisa que encontre ao seu alcance para atacá-los. Existem várias opções para manter uma arma, já que estas nem sempre duram muito tempo.

Em toda a ilha haverá uma espécie de oficinas com armas e objectos onde se poderá reparar, melhorar ou personalizar as novas armas necessárias para a matança.

Cada classe de personagem vai ter uma arma prioritária. Alguns vão preferir destruir os seus inimigos, uns irão preferir dar umas facadas, outros vão optar pelas pistolas e disparos na cabeça à moda antiga. Estas diferenças são também evidentes nas diferentes árvores de habilidade dos personagens que indicarão as melhorias para cada classe de arma.

No que toca à deterioração e reparação das armas ficámos a saber que todas elas se danificam com o passam do tempo. Depois de uns bons tiros, alguns inimigos esmagados e completamente triturados pelos disparos, a arma perderá sensivelmente a sua capacidade e depois de um curto período de tempo ficará praticamente inutilizável.

No que diz respeito à atualização da arma, no começo do jogo a maioria das armas terão a sua forma básica, mas existem elementos adicionais para melhorar a maioria do nosso arsenal. Uma simples alavanca pode vir a ser uma arma útil, melhorando-a numa oficina pode tornar-se numa arma completamente mortal.

Quando à personalização das armas, Dead Island oferece a possibilidade de desenharmos novas armas mortais com alguns pequenos passos. Que tal um taco de basebol com alguns pregos? Juntem estas duas coisas e quando atingirem os vossos inimigos verão certamente estragos avolumados. Uma faca de mergulho, um pouco de explosivo C4 e uma pulseira de um relógio? Uma ideia excelente para se criar uma bomba com adesivo.

Dead Island vai ser lançado em setembro para PC, Xbox 360 e PlayStation 3.

Salta para os comentários (8)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (8)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários