Ken Levine sobre narrativa nos jogos

Não precisam de ser simplificadas.

Em conversa com o site VG247, Ken Levine disse que os jogadores não precisam de narrativas simplificadas e que a Take Two tem dado imenso apoio ao estúdio.

"Com algumas coisas que estamos a fazer em Infinite, preciso que sejam simplificadas para mim," disse Levine.

"A Take Two em particular, é muito arrojada nestas coisas. Strauss (Presidente da Take Two) e o pessoal concordaram imediatamente," continuou Levine.

"Francamente, no lugar deles, não sei se teria passado um cheque para Bioshock 1. 'Acreditem em mim! Os miúdos adoram objectivismo!"

Questionado se a Take Two tem fé nas proezas intelectuais dos jogadores, Levine respondeu que a companhia tem fé nos criadores. Segundo explicado, "Penso que para eles é tipo ' pagamos ao talento para ser, sabem, talentoso, por isso vamos confiar neles."

BioShock tornou-se num caso de sucesso bem especial e Levine está agora a trabalhar em BioShock Infinite que em 2012 vai ser lançado para PC, PlayStation 3 e Xbox 360.

Salta para os comentários (1)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (1)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários