Resident Evil: Raccoon City não é um jogo de terror

Capcom quer um shooter.

A Capcom não quer que Resident Evil: Operation Raccoon City seja mais um jogo de terror, embora essa seja a origem da série.

Com este título a cargo da Slant Six, a Capcom procura um jogo diferente, o seu desejo é obter um shooter.

"Desta vez estamos a localizar o jogo no mundo Resident Evil, mas não queremos outro jogo de terror, queremos um jogo de tiros," disse o produtor à revista OXM.

"E pensamos não só em elementos para os fãs de Resident Evil, mas também para os fãs dos shooters, para apelar a jogarem este jogo particular."

Um modo cooperativo é uma inclusão "óbvia" em Resident Evil: Operation Raccoon City, segundo o produtor. A Capcom já teve a oportunidade de experimentar a funcionalidade em Resident Evil 5.

"Iremos ter todas as características dos shooters neste jogo, mas iremos juntar a marca e universo Resident Evil."

O produtor terminou deixando a ideia de que o terror será deixado para jogos que tenham um número à frente.

Salta para os comentários (25)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (25)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários