Nintendo 3DS

Já a temos e já foi testada.

Nesta altura do campeonato já não será novidade para os mais atentos, que a 3DS é a consola que permite jogar e usufruir da tecnologia das 3 dimensões sem recorrer aos vulgares óculos escuros. Por outro lado, este momento assinala o ponto de viragem da DSi/XL, o que significa que estes sistemas vão perder a posição de avanço que detinham. A 3DS é mais potente, consubstancia um avanço muito visível, não apenas em termos de processamento gráfico, mas também na ligação à rede, uma vertente essencial na exploração dos conteúdos e partilha de dados.

Com a 3DS a Nintendo pretende continuar a liderança no sector das consolas portáteis, ainda que os jogos para os telemóveis inteligentes estejam, pela primeira vez, a abalar as fundações do sector e a congregar alguns pontos de discussão como preço dos jogos e qualidade dos mesmos, sem esquecer a exclusividade enquanto outro factor de ponderação. Mas aquilo que nos interessa neste artigo focar é um olhar atento e pormenorizado às funções da 3DS. Na verdade que diferenças a separam da DS, que mais valias apresenta e qual a reacção ao tão propalado efeito tridimensional. Importa sublinhar, porém algumas condições sobre o teste ao aparelho.

1
O ecrã superior é a fonte da magia, mas há mais de relevante na 3DS.

Desde logo, nesta fase, os detalhes estão circunscritos a uma utilização da consola apenas com software interno, ou seja, resumida ao conjunto de aplicações que poderão desfrutar a partir do dia 25 de Março, quando a consola chegar às lojas da especialidade. Ainda não dispomos de jogos para efectuar uma análise mais funda, algo que permitiria uma compreensão mais rigorosa sobre as capacidades gráficas. De todo o modo tivemos a possibilidade de experimentar a consola durante imenso tempo, carregando diversas vezes a bateria, a fim de vos trazermos impressões definitivas e que muito embora não sejam finais, aquilatam já uma vasta porção sobre aquilo que o sistema vai proporcionar e, não menos importante, se justifica o "upgrade" da Nintendo DS para a 3DS.

Começando pelo aspecto exterior, nota-se que a 3DS sobressai imediatamente pelo aspecto espelhado do negro metalizado (a 3DS que a Nintendo nos cedeu para experimentar é a black cosmos). É notória a aproximação ao último modelo da DS – a DSi – desde logo pelas dimensões, pelo posicionamento dos botões L e R e pela forma como se abre (desdobra), tendo uma arquitectura exterior muito semelhante. As duas objectivas exteriores assinalam as primeiras diferenças. Ao meio da lateral frontal a entrada para os auscultadores. A stylus foi removida para a lateral posterior, uma posição que não é tão confortável para aceder com a consola aberta, embora seja um somenos pouco relevante.

Por sua vez a "stylus" é de tamanho ajustável, tem uma estrutura maioritariamente metálica e que lhe confere algum peso, sendo mais fácil de utilizar no ecrã táctil. Ainda com a consola fechada, o botão wireless na lateral direita é acompanhado por um pequeno quadro luminoso que revela se o mesmo está ligado ou não (é possível poupar a bateria estando o "wireless" desligado. Do mesmo modo a grelha frontal conta ainda com dois indicadores luminosos; um que acende cor laranja quando a bateria está a carregar e um outro que exibe uma luminosidade azul quando a consola está ligada ou em modo "standby", sendo curioso observar, neste caso, o constante aumento e diminuição da luminosidade de uma forma progressiva. Na lateral esquerda encontra-se o botão que regula o volume e a entrada de cartões SD (a consola será disponibilizada com um cartão SD de 2 GB).

Lê o nosso Sistema de Pontuação

Salta para os comentários (28)

Sobre o Autor

Vítor Alexandre

Vítor Alexandre

Redator

Adepto de automóveis é assim por direito o nosso piloto de serviço. Mas o Vítor é outro que não falha um bom old school e é adepto ferrenho das novas produções criativas. Para além de que é corredor de Maratona. Mas não esquece os pastéis de Fão.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (28)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários