"Ninguém se importa se eu acerto a não ser os fãs"

Pachter fala do seu trabalho na indústria.

Michael Pachter, um dos analistas mais famosos da indústria dos videojogos, que se encarrega sempre de dar a conhecer a sua opinião sobre tudo, defendeu o seu trabalho.

Os analistas encarregam-se de fazer relatórios para as companhias que investem na bolsa ou em outros sistema se investimento para que possam tomar decisões em função do prognóstico oferecido nos relatórios enviados pelos analistas de mercado.

Pachter, no entanto, dedica-se tanto a fazer esses relatórios como a comentar a actualidade dos videojogos de uma forma activa. Mas assinala que, "O meu trabalho não é falar com os jornalistas, mas sim falar com os investidores."

Em entrevista com a revista Game Informer ele assinalou também que, "Se digo que uma Wii HD está a caminho, isso irrita os fãs que acreditam que a Nintendo faz sempre o melhor, mas não irrita os investidores."

"Existe uma série de leitores que me fazem ataques pessoais, eu lhes diria que não tenho interesse em nada do que falo (nem sequer invisto nas companhias que analiso), e a maior parte das coisas que digo são só opiniões. Não digo as coisas porque desejo que aconteçam: digo porque acredito que serão certas."

"Uma vez que o meu trabalho trata-se de acertar nas coisas grandes, posso dar-me ao luxo de enganar-me nas coisas pequenas," afirmou Pachter. "Penso que não houve uma semana em que não tenha feito uma previsão incorrecta," admitiu ele, ao mesmo tempo que assinalou que faz mais de 200 previsões por ano.

"Ninguém se importa se acerto, excepto os fanáticos, uma vez que os meus clientes só procuram números e saber se as companhias vão subir ou baixar na sua cotização."

Salta para os comentários (23)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (23)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários