Porquê comprar jogos novos em vez de usados?

Maioria compra porque quer algo novo.

Os analistas da consultora de mercado Cowen & Company fizeram um inquérito a 1300 pessoas a perguntar porque é que preferiam comprar jogos novos em vez de usados.

A resposta mais escolhida vai para o facto de quererem algo novo. 54% dos inquiridos querem evitar de comprar jogos que tenham discos riscados, falta de manuais ou simplesmente por ser algo novo nas suas mãos.

A segunda mais escolhida tem a ver com o tempo: 49% dos inquiridos querem comprar um jogo no dia do seu lançamento.

Segundo o analista Doug Creutz, o crescente desejo do imediatismo, em conjunto com o aumento da partilha de jogos usados, explica porque é que existe a tendência para haver um grande pico de vendas no dia do lançamento dos jogos e que, ao contrário de anos anteriores, se vai esbatendo à medida que o tempo vai passando.

Para 33% dos inquiridos, a diferença de preços entre novos e usados é muito pequena, de modo que não vale a pena comprar em segunda mão. "Eu quero ter acesso aos conteúdos extra," disseram 26% dos inquiridos, que vêm nos conteúdos extra uma boa razão para se comprar novo.

Logo atrás com 22% veio a resposta, "Estou a planear comprar conteúdos descarregáveis". Seguidos de 21% que disseram que jogam online e que querem uma edição coleccionador de um determinado jogo.

A resposta menos popular, e provavelmente a mais decepcionante para as produtoras de jogos, ficou-se nos 16%, e vai para a frase, "Eu quero apoiar a economia da indústria de videojogos".

E vocês preferem comprar jogos novos ou usados? E já agora porquê.

Salta para os comentários (29)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (29)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários