Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

A retrocompatibilidade na Xbox One é pouco usada

Indica estudo com quase 1 milhão de utilizadores.

Embora a retrocompatibilidade da Xbox One seja um dos factores a favor da plataforma em comparação com a PlayStation 4, a consola rival, um estudo acerca de como os utilizadores passam o tempo no Xbox Live mostra que a funcionalidade é pouco usada.

O estudo, conduzido pelo ARS Technica, tem como amostra 930 mil utilizadores do Xbox Live. O site analisou, de 26 de Setembro a 12 de Fevereiro, como é que estes utilizadores gastavam o seu tempo na Xbox One e chegou à conclusão que apenas 1.5% do tempo é gasto nos títulos retrocompatíveis.

Durante o período a amostra de utilizadores passaram 1.65 mil milhões de minutos na Xbox One e, em média, cada utilizou passou apenas 23.9 minutos nos títulos retrocompatíveis. Embora estes dados mostrem que em média cada utilizador usa pouco a funcionalidade de retrocompatibilidade, há outras questões importantes.

A funcionalidade de retrocompatibilidade pode não ser importante para alguns, no entanto, pode haver outros utilizadores que usam bastante a funcionalidade. Mais do que isto, é bom saber que a funcionalidade está disponível e que, se quisermos, podemos voltar a jogar os títulos que comprámos para a Xbox 360

Marcado com

Sobre o Autor

Jorge Loureiro avatar

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Comentários