Eurogamer.pt

Jogos da Ubisoft beneficiam com o conceito "jogos vivos"

Melhora a qualidade e tornam-se mais rentáveis.

Na mais recente reunião com os seus investidores, os executivos da Ubisoft explicaram o porquê dos seus jogos estarem a ser transformados em "jogos vivos" e como isso beneficia os jogadores e a companhia.

A Ubisoft comparou o panorama actual, em que transformou praticamente todos os seus jogos em "jogos vivos", e o que era feito nas gerações anteriores, demonstrando que além dos títulos apresentarem maior qualidade e dos estúdios terem mais tempo para os desenvolver, ainda se tornam mais rentáveis e são jogados durante muito mais tempo.

A editora diz que o modelo actual é mais lucrativo e gera receitas recorrentes. No passado, o jogo tinha de se tornar num êxito, algo calculado pelo número de unidades vendidas, era focado nas consolas e não incentivava os jogadores a passar muito tempo com eles a médio-longo prazo.

Actualmente, estes "jogos vivos" focam-se nas receitas recorrentes, mantêm os jogadores activos durante longos períodos de tempo, são focados nos jogadores, desenvolvidos a pensar em várias plataformas, são avaliados pela suas prestação ao longo da sua existência e estão focados na experiência que oferecem enquanto plataforma.

A Ubisoft diz ainda que este modelo permite uma melhor experiência, de acordo com as análises e as opiniões das comunidades, permite manter o jogador activo durante muito mais tempo, aumentando exponencialmente o tempo de jogo, geram mais lucros recorrentes e permitem um maior tempo de desenvolvimento. Este é o ciclo citado pela editora para reflectir o quão positivo é este modelo para os seus jogos.

1
2
3

A Ubisoft diz ainda que estes jogos não sentem a pressão de chegar às lojas e se tornarem num sucesso imediato para permitir aos estúdios desenvolver o seguinte. Geram lucros a longo prazo e mantém os jogadores a jogar durante muito mais tempo.

Mais do que isso, a editora diz que os jogos ganham mais visibilidade e que conseguem vender uma grande quantidade de unidades mesmo no ano seguinte ao lançamento.

Publicidade

Comentários (10)

Criar uma nova conta

OU