Eurogamer.pt

Phil Spencer ainda não acabou Cuphead

Diz que sem a Microsoft o jogo não existiria desta forma.

Phil Spencer é uma das mais acarinhadas figuras desta indústria e o líder da divisão Xbox da Microsoft é um confesso jogador, que adora jogar videojogos como Destiny 2.

Como patrão da Xbox, Spencer foi um dos maiores promotores de Cuphead, indie que foi lançado na Xbox One e PC, jogo esse que diz ter jogado antes do lançamento, mas que ainda não terminou na sua versão completa.

Segundo revelou durante o Brasil Game Show, Spencer ainda não teve tempo para terminar Cuphead.

"Penso que terminei todos os bosses antes do lançamento. Mas não. Há quatro semanas seguidas que ando em viagens e não tive muito tempo para jogar," disse Spencer.

O homem da Xbox diz ainda que Cuphead está a vender muito bem e confessa estar muito feliz pelo estúdio que o desenvolveu.

"Estou muito feliz pelo estúdio; trabalharam muito tempo no jogo. Ter o sucesso que estão a ter - está a vender muito bem."

Spencer diz ainda que a reacção tem sido fantástica e que é sempre bom ver a qualidade ser recebida com um nível de entusiasmo à altura. Especialmente porque o jogo podia nem existir sequer, se não fosse a Microsoft.

"A equipa tinha uma certa ambição sobre o queriam fazer. Juntos, queríamos investir mais. Vimos mais oportunidades. Isso tornou-se num exclusivo para a nossa plataforma. É um jogo que provavelmente não teria acontecido da forma que aconteceu se não tivesse-mos investido da forma que investimos."

Publicidade

Comentários (32)

Criar uma nova conta

OU