Eurogamer.pt

Final Fantasy XV usa os DLCs para tapar buracos na história

Tabata diz que quer criar uma nova PI.

Final Fantasy XV é um jogo que dividiu as opiniões dos fãs, mas a grande maioria parece ter concordado num aspecto: a história do jogo deixou muito a desejar e muito por esclarecer.

Hajime Tabata, director do jogo da Square Enix, esteve à conversa com o Kotaku e confirmou que o desejo da equipa foi tapar os buracos na história através de conteúdos adicionais.

"Estamos continuadamente a crescer enquanto criadores. Estamos finalmente num ponto em que somos capazes de tentar colocar desafios a nós próprios e abordar algumas dessas peças em falta," disse Tabata sobre as falhas na história.

Tabata confirmou que o intuito com o DLC de Final Fantasy XV será, em grande parte, preencher as lacunas na narrativa, não sabendo ainda quando vai terminar o apoio ao jogo.

Depois de Prompto e Gladiolus, o próximo episódio será o de Ignis, com mais pedaços da história, mas poderás ter ainda Episódios extra para Luna e Ardyn, algo que ainda está a ser pensado.

Depois disso, Tabata deseja começar a trabalhar numa nova propriedade intelectual, esperando apresentá-la somente na próxima geração de consolas.

Publicidade

Comentários (23)

Criar uma nova conta

OU