Eurogamer.pt

Os dispositivos iOS recentes são mais poderosos do que a Switch

Produtores de Oceanhorn falam da sua experiência com a consola.

A Nintendo Switch não é mais poderosa do que os dispositivos iOS mais recentes. Quem o disse foi Heikki Repo, director criativo e co-fundador da Cornfox & Bros, a produtora de Oceanhorn e que está neste momento a trabalhar na sequela.

Explicando a diferença de poder entre a Nintendo Switch e os dispositivos iOS recentes, o co-fundador do estúdio disse que "alguns produtores indie não se importam em poupar recursos, mas para nós é importante visto que estamos a desenvolver para o mobile em primeiro lugar (ou em paralelo), portanto, os nossos jogos têm sido optimizados desde o início".

"Desta forma podemos adicionar coisas às plataformas mais poderosas mais tarde. O hardware da Nintendo Switch já tem alguns anos, portanto, os dispositivos iOS mais recentes que usamos já são mais poderosos. Mas desenvolver primeiro para mobile ajuda e Oceanhorn 2 terá um excelente aspecto na Switch, quando a altura chegar!"

A Nintendo Switch é baseada no Tegra X1 da Nvidia, e apesar da idade do hardware, a Cornfox está contente a consola e prevê um futuro brilhante para a plataforma.

"Oceanhorn foi lançado em primeiro para o hardware mobile, portanto, foi um jogo muito flexível de portar para a Switch, que é baseada no mobile. Vejo um futuro brilhante para a Nintendo Switch, visto que tem suporte para o Unreal Engine 4 e estamos a encarar de frente o desenvolvimento mobile no UE4 com Oceanhorn 2."

Em cima podes ver o primeiro gameplay de Oceanhorn 2, gravado num iPhone 7 Plus.

Publicidade

Comentários (91)

Criar uma nova conta

OU