Art Academy: Sketch Pad - análise

Nova expressão visual no Miiverse.

Versão testada: Wii U

Com a introdução da consola portátil dotada de dois ecrãs, sendo um deles táctil, a Nintendo criou a plataforma perfeita para dar renovado destaque aos jogos de desenho, uma vez que estes implicam um uso exclusivo do stylus (a caneta) e do ecrã táctil, como substitutos directos do lápis e folha de papel. Isso ajuda a explicar a boa adaptação dos jogos da série Art Academy, fabricados pela Headstrong Games, às consolas portáteis da Nintendo. O termo jogo pode não ser a mais correcta definição deste produto, uma vez que não existe propriamente um desafio, mas antes uma tela de pintura. Em bom rigor, Art Academy serve-se da consola para proporcionar aos amantes do desenho e das artes, as condições necessárias para desenhar, pintar e dar asas à veia artística. É esse o núcleo desta experiência.

Infelizmente, nem todas as pessoas possuem o engenho e a queda para o desenho, embora com esforço e sob orientação, possam obter resultados encorajadores. Daí a relevância da inclusão de aulas dadas pelo mestre que nos orienta em Art Academy para a Nintendo 3DS. Graças às suas indicações e instruções sobre como transformar uma paisagem ou uma peça de fruta num belo desenho e pintura, até mesmo os menos capacitados podem impressionar. Como um farol, as lições abrem caminho e removem as dificuldades, já que nos orientam ao longo de diversas fases.

1

A possibilidade de partilha das obras no Miiverse é uma das vantagens deste aplicativo.

Foi por isso que me causou alguma surpresa ao notar que a chegada de Art Academy: Sketch Pad à Wii U não se fez acompanhar das habituais lições. No seu lugar encontramos a simples indicação de que estas apenas estarão disponíveis no futuro, conteúdo esse que será pago. Ora, para alguém como eu que não possui as técnicas de desenho elementares, a falta de apoio na produção de trabalhos deixa-me algo desamparado diante de uma folha em branco. Pode não ser o caso de quem gaste algum do seu tempo a desenhar no Miiverse. Esses vão encontrar neste Art Academy: Skecth Pad uma ferramenta melhorada para irem ainda mais longe na sua produção, competindo com a miríade de versados que diariamente publicam tiras cómicas, grandes quadros e representações artísticas dos seus heróis favoritos.

É óbvio que a ideia da Nintendo passa por flexibilizar os preços ao disponibilizar conteúdo de forma faseada, ao invés de lançar um produto completo por um preço mais elevado. Numa primeira fase entrega algumas ferramentas e só depois faz chegar as lições, assim como mais materiais. Ora, o preço das ferramentas (sem lições), é de 3,99 euros, um valor um pouco abaixo da média dos jogos de formato digital da eShop, e que até se mostra tentador. Mas se o que se pretende é dar acesso, a baixo custo, a um aplicativo de desenho, a ausência de lições e instruções sobre como tirar partido dela, deixará muita gente à porta. Já os titulares de uma Nintendo Wii U com capacidade para as artes visuais poderão usar e abusar deste Skecth Pad, especialmente ao nível da interacção e troca de conteúdos online, dentro do Miiverse, fabricando os seus trabalhos originais, ou trabalhando nas imagens fornecidas.

2

Paleta de cores considerável.

Quanto à interacção no Miiverse, basta uma deslocação rápida com passagem pela comunidade do Art Academy para ficarmos estarrecidos e boquiabertos com o grau de produção que por ali anda. E desde logo isso deve-se ao bom editor e à razoável quantidade de lápis cinzentos e de cor que se encontram disponíveis. Mas também há pastéis, borrachas e diferentes formatos de papel, tudo para que o resultado final possa ser o mais semelhante possível de um trabalho criado com base em materiais verdadeiros.

Uma das técnicas utilizadas pelos produtores gráficos é o recurso a uma grelha que permite desenvolver o esqueleto do desenho em destaque de uma forma muito precisa. É a única ajuda disponível para os novatos, mas que enfrenta alguma resistência devido à constante subida e descida do queixo, já que ao pormos os olhos no ecrã do GamePad para desenhar, deixamos de ver a imagem disponibilizada no ecrã do televisor. Essa é uma das vantagens em usar Art Academy na 3DS (principalmente na versão XL). Infelizmente a grelha só se encontra disponível num tamanho. A função zoom im facilita um pouco o processo, especialmente se queremos acrescentar mais algum detalhe e efectuar correcções.

3

Mario Paint foi lançado com um rato. Art Academy revela a evolução dos tempos, com uma interface mais intuitiva e prática.

Para desenhar, o ecrã do GamePad é mais confortável que o ecrã da 3DS, mas há que o colocar sobre uma superfície segura de modo a evitar riscos inesperados. Do lado negativo, Sketch Pad não proporciona todos os elementos com que gostaríamos de trabalhar, mas tendo em consideração o seu baixo preço, apresenta já um razoável número de lápis e pastéis, permitindo a realização de trabalhos bastante convincentes. Mas, mais uma vez repito; só os conhecedores e versados neste "ofício" serão capazes de tirar partido deste conteúdo. Se não possuem o talento necessário, pensem duas vezes, ou aguardem pela edição das lições.

Em suma, o maior entrave ao sucesso de Art Academy: Sketch Pad, nesta altura, é ser um aplicativo incompleto, algo limitado em termos de materiais, emergindo como grande lacuna a ausência de lições fornecidas pelo mestre Vince, que tanto e essencial apoio forneceu na versão para a 3DS. Resta saber quanto tempo teremos de aguardar até que o "pack" completo fique disponível, pois apesar do preço deste editor ser aliciante, nem todos estão em condições de lhe dar pleno uso. Já os amantes do desenho, terão uma nova ferramenta à sua disposição, mesmo se o conteúdo ainda não possui os conteúdos necessários para produções ainda mais férteis.

5 / 10

Lê o nosso Sistema de Pontuação Art Academy: Sketch Pad - análise Vítor Alexandre Nova expressão visual no Miiverse. 2013-09-07T16:19:00+01:00 5 10

Comentários (13)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!